Sportbuzz
Testeira
Esporte na TV / FLAMENGO

Renato Gaúcho abre o jogo sobre saída do Flamengo e faz revelação

Técnico Renato Gaúcho comenta trabalho no comando do Flamengo, faz comparação com cenário do futebol europeu e revela bastidores da saída do clube

Redação Publicado em 17/03/2022, às 20h46

Renato Gaúcho abre o jogo sobre saída do Flamengo e faz revelação - GettyImages
Renato Gaúcho abre o jogo sobre saída do Flamengo e faz revelação - GettyImages

Renato Gaúcho falou pela primeira vez desde sua saída do Flamengo e abriu o jogo sobre o trabalho no clube rubro-negro, que se encerrou após a derrota na final da Libertadores de 2021. Em entrevista ao programa “Tá Na Área”, do SporTV, o técnico afirmou que se estivesse no cenário do futebol europeu, sua passagem pelo Fla teria sido consagrada.

Para justificar sua declaração, Renato destacou o aproveitamento no comando do Flamengo. Além do vice-campeonato continental, o time ficou com a segunda colocação da última edição do Campeonato Brasileiro e chegou até a semifinal da Copa do Brasil. O treinador afirmou que se estivesse na Europa ganharia sequência no cargo pelas campanhas.

 

Canal - SportBuzz:

“Nem todo treinador vai ganhar tudo. Comigo no Grêmio foi assim. Ganhei e perdi, mas foram cinco anos de sucesso. Com esse vice da Libertadores e o vice do Campeonato Brasileiro, se fosse na Europa o treinador estaria consagrado. Além disso, ganharia uma sequência. Tanto que meu aproveitamento no Flamengo foi de quase 74%, mesmo com vários jogadores no departamento médico, uma decisão a cada três dias. Mas isso faz parte da cultura brasileira. Estou com a consciência tranquila do trabalho que faço nos clubes”, disse Renato Gaúcho nesta quinta-feira, 17.

O técnico ainda revelou que a saída do clube, em novembro, aconteceu por sua vontade e negou que tenha sido demitido. Ele garantiu que pediu para entregar o cargo logo após a derrota para o Palmeiras. Na conversa com a emissora do Grupo Globo, Renato Gaúcho afirmou que não quer trabalhar em 2022.

Renato Gaúcho e Arrascaeta durante a final da Libertadores
Renato Gaúcho e Arrascaeta durante a final da Libertadores (Crédito: GettyImages)

 

“Muita gente fala que o Flamengo me mandou embora, mas não foi bem assim. Quando acabou o jogo contra o Palmeiras eu falei que ia sair. Tanto que eu já tinha me despedido dos jogadores no vestiário. Antes da nossa reapresentação eu liguei para o (Marcos) Braz e para o Bruno (Spindel) e falei com eles que independentemente do que o Flamengo estava pensando, eu ia sair”, disse o treinador. “Não tenho queixa nenhuma. Fiquei muito feliz por ter treinado o Flamengo. Espero um dia voltar, até porque acredito que o trabalho foi muito bom, mas infelizmente não conquistamos títulos”, acrescentou em outro trecho. 


 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!