Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify Sportbuzz
Testeira
Vôlei / LIGA DAS NAÇÕES!

Brasil estreia na Liga das Nações com safra de novas jogadoras

A Seleção Brasileira de Vôlei Feminino estreia na Liga das Nações nesta terça-feira, 31, e inicia ciclo de novas atletas com a camisa da amarelinha

Redação Publicado em 31/05/2022, às 13h36 - Atualizado às 14h20

Seleção Brasileira de Voleibol Feminino estreia na Liga das Nações - Crédito: Getty Images
Seleção Brasileira de Voleibol Feminino estreia na Liga das Nações - Crédito: Getty Images

Nesta terça-feira, 31, às 19h (horário de Brasília) a Seleção Brasileira de Vôlei Feminino estreia na Liga das Nações contra a Alemanha com transmissão do SporTV2. Dando oportunidade para algumas atletas mais jovens, José Roberto Guimarães dá início a um novo ciclo no voleibol feminino e busca render bons frutos nas competições que tem pela frente nos próximos anos.

Depois da medalha de prata nos Jogos Olímpicos de Tóquio, a Seleção Brasileira passou por uma reformulação e a Liga das Nações de 2022 vai ser o principal marco dessa mudança. Mantendo algumas peças como as levantadoras Macris e Roberta, e a central Carol, a ideia é mesclar um pouco das duas gerações e fazer uma transição leve.

CANAL - SPORTBUZZ

Segundo informações divulgadas no site da CBV, Macris, Roberta, Carol e Ana Cristina fizeram parte da campanha que rendeu a medalha de prata nas Olimpíadas. Por outro lado, as centrais Diana e Lorena, a ponteira Karina e a oposta Kisy fazem sua estreia em uma competição adulta pela seleção profissional.

Além dos nomes já citados, a seleção tem inscritas as líberos Natinha e Nyeme, as ponteiras Julia Bergmann e Pri Daroit, a oposta Lorenne e a central Mayany. Falando sobre a competição, Macris se prontificou a ajudar as mais jovens e pediu atenção ao estilo de jogo da Alemanha e pediu foco no lugar mais alto do pódio.

Nova fase se inicia no Brasil
Roberta e Carol são algumas das atletas que se mantiveram na Seleção Brasileira durante a mudança - Crédito: Getty Images

"É uma alegria vestir a camisa do Brasil. Quero aproveitar a oportunidade de ser uma das mais experientes para auxiliar as jogadoras mais jovens. Estarei sempre junto e à disposição. Também tento aproveitar a energia da juventude para, juntas, encontrarmos a melhor sintonia. Temos que focar sempre no lugar mais alto do pódio e isso faz com que a gente esteja em movimento constante. O nível é alto e a exigência é muito grande”, disse Macris antes de completar.

"Temos um grupo motivado e isso é o mais importante. É fundamental querer estar na seleção brasileira e ter orgulho de vestir a camisa do Brasil. A Alemanha é uma equipe alta que joga com velocidade. Vamos precisar ter muita atenção. Vai ser nossa partida de estreia e muitas jogadoras jovens vão viver isso pela primeira vez. Pelo trabalho que tem sido feito, vamos chegar confiantes. Faz muita diferença quando cada uma se propõe a fazer o seu melhor em função do grupo", completou.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!