Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify Sportbuzz
Mercado da Bola / NOVIDADE?

Manchester City: Guardiola abre o jogo sobre chegada de reforços

O Manchester City e Pep Guardiola querem a contratação de mais reforços para a sequência da temporada de 2022/23; confira detalhes sobre o tema!

Redação Publicado em 29/07/2022, às 11h57

Manchester City e Guardiola ainda podem investir pesado no mercado da bola em busca de reforços - GettyImages
Manchester City e Guardiola ainda podem investir pesado no mercado da bola em busca de reforços - GettyImages

O Manchester City e Guardiola estão atentos no mercado da bola e querem mais reforços. Antes da decisão da Supercopa da Inglaterra, que será realizada nesta sábado, 30, às 13h (horário de Brasília, quando os Cityzens encaram o Liverpool, o treinador falou sobre as contratações do clube. O catalão não escondeu a sua felicidade em poder contar com todo elenco definido neste começo de temporada. 

Em entrevista coletiva, Guardiola destacou que o Manchester City ainda procura mais um reforço no mercado. Por mais que esteja com o elenco fechado, o treinador quer ter mais opções para a lateral esquerda. João Cancelo assumiu a titularidade do setor na última temporada, mas o português é destro e o catalão gostaria de ter um jogador da posição ao invés de improvisações. 

Se possível, sim (alguém para a lateral esquerda). Se não, temos jogadores o suficiente. O Cancelo pode jogar ali. O Josh (Wilson-Esbrand) e o Nathan (Aké) também. Eu nunca reclamo do elenco desde que cheguei", afirmou. Além disso, Pep Guardiola também abriu o jogo sobre a saída de jogadores do Manchester City durante a janela de transferências. 

"Se você analisar o que aconteceu nos últimos anos, seria difícil imaginar sem esses jogadores importantes. Eles tiveram influência dentro e fora de campo. Mas desejamos o melhor para eles. As intenções no mercado ditam as nossas decisões, as ambições do clube ou dos jogadores. Normalmente um projeto de seis, sete anos, nem sempre é com as mesmas pessoas", continuou.

Guardiola em ação pelo City
Pep Guardiola em ação durante a entrevista coletiva pós jogo entre Manchester City e Bayern de Munique (Crédito: GettyImages)

Guardiola relembrou o início de trabalho que teve no Manchester City e comparou com o atual momento. O treinador não escondeu a felicidade em poder ter todo o time definido antes mesmo do ano começar: "Na primeira temporada, nós tentamos emprestar ou vender jogadores, mas não podíamos. Na atual, ainda temos 14, 15 dias e já está tudo feito".


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!