Sportbuzz
Testeira
Mercado da Bola / SERÁ?

Atlético-MG: sem espaço com Cuca, meia é oferecido ao Grêmio

Desde que chegou ao Atlético-MG, Cuca não utilizou meia, que acabou sendo oferecido ao Grêmio

Redação Publicado em 11/06/2021, às 18h28 - Atualizado às 18h42

Nathan, do Atlético-MG, teria sido oferecido ao Grêmio; meia não tem espaço com Cuca - GettyImages
Nathan, do Atlético-MG, teria sido oferecido ao Grêmio; meia não tem espaço com Cuca - GettyImages

O nome de Nathan chegou até a lista de reforços do Grêmio para a temporada de 2021. O jogador, que está sem espaço com Cuca no Atlético-MG, não tem atuado com grande frequência e pode acabar deixando o Galo. Desta maneira, o Tricolor apareceria como uma alternativa para o meio-campista de 25 anos de idade. 

Pelo menos foi o que afirmou o jornalista Vagner Martins, que garantiu que o nome de Nathan chegou até o conhecimento da cúpula máxima do Grêmio. No entanto, o vice-presidente da equipe gaúcha teria negado qualquer possibilidade da chegada do meia do Atlético-MG ao time de Tiago Nunes. 

Além disso, segundo o próprio jornalista, o Galo também tratou de negar qualquer possibilidade de ter oferecido Nathan para o Grêmio. Mesmo assim, o jornalista garante que o nome do atleta está numa lista de reforços, que será discutida pelos dirigentes do Tricolor. 

Contratado pelo Atlético-MG em 2018, Nathan viveu sua melhor fase com a camisa alvinegra na última temporada. Sob o comando de Jorge Sampaoli, o meio-campista teve até uma fase goleadora, mas depois sofreu lesões, caiu de rendimento e perdeu espaço com a chegada de Cuca. 

TREINADOR DO ATLÉTICO TEM VALORIZADO KENO!

Na noite da última quinta-feira, 10, Atlético-MG e Remo entraram em campo para disputar a partida de volta da terceira fase da Copa do Brasil. Após vencer o jogo de ida por 2 a 0, a equipe de Cuca contou com o retorno de Keno para tentar avançar às oitavas de final.

Apesar das dificuldades encontradas, o Atlético-MG garantiu a vitória diante do Remo pelo placar de 2 a 1 e carimbou a vaga para a próxima fase da Copa do Brasil.

Logo após a partida, Cuca concedeu entrevista coletiva e avaliou o resultado e a atuação do Galo. Além disso, o treinador também abriu o jogo sobre o momento de Keno, que retornou de lesão e participou de parte do jogo.

O Keno teve um tempo fora. Hoje, optamos por colocá-lo jogando, para que adquira ritmo de jogo. Jogou por 70 minutos. Tem uma característica peculiar dele, que é a individualidade. É um jogador inteligente, que sabe também dar assistência”, iniciou Cuca. 

Foi infeliz no lance que teve à frente do gol. Ela bateu na trave, poderia ter entrado para ele ganhar mais confiança. Mas é um cara que a gente confia muito. Faz uma diferença enorme e voltou, não sentiu nada. Tendência é ele ir melhorando jogo a jogo”, completou.

PARTE FÍSICA

Questionado sobre a parte física dos jogadores, Cuca ressaltou a sabedoria dos jogadores para saber o momento certo de buscar o esforço maior ou de diminuir o ritmo. Para ele, o Atlético-MG soube se precaver quanto ao desgaste dos atletas.

Não, o time é maduro. É um time que sabe que, em determinados momentos, não precisa se expor. Importante ver, no meio dos jogos e essas viagens que têm, que não estamos tendo lesão muscular, daí, dá para ver que o trabalho é bom”, falou Cuca, que emendou:

Você tem dosado, tem mais posse de bola que o adversário e joga com intensidade como hoje. Foi jogo gostoso, bem jogado, gostoso de jogar e assistir. Cada um com sua estratégia. Jogamos bem, principalmente no primeiro tempo”.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!