Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Coronavírus » TENSÃO

Erick Silva, ex-lutador do UFC, relata momentos de tensão familiar após testar positivo para coronavírus

Atleta fez questão de garantir que toda sua família segue em isolamento e reforçou pedido para as pessoas ficarem em casa

Guilherme Assumpção Publicado em 06/04/2020, às 17h58

Erick explicou como os sintomas foram percebidos pela família
Erick explicou como os sintomas foram percebidos pela família - Transmissão UFC BRASIL

A pandemia de coronavírus vem assustando o mundo inteiro. Com muita incerteza sobre os sintomas e como reagir nessa situação, muitas pessoas acabam demorando para perceber os efeitos da doença e, em alguns casos, acabam nem sentido os sintomas.

Nesta segunda-feira, 06, o ex-lutador do UFC, Erick Silva, relatou momentos de muita tensão por conta do diagnóstico de Covid-19. Segundo ele, seu filho de cinco meses apresentou sinais de que estaria contaminado, mas tudo foi controlado apenas com um remédio.

“O primeiro a dar o alerta foi o Carlos (filho de cinco meses). Teve estado febril de 37,7 graus, mas acabamos dando remédio para ele, Tylenol Baby, falamos com o pediatra dele, e o Carlos parou na hora. Quem foi assintomático foi o Kalleu, meu filho de 10 anos. Não teve nenhum sintoma, está pulando, tranquilo, nem preocupação ele teve. Depois do estado febril do Carlos, a única coisa que apresentou foi uma diarreia, mas ficou mais tranquilo. Ficamos na agonia de querer saber. Até então, preferimos ficar um pouco mais quietos, isolados, para a gente entender o que estava acontecendo e não criar tanto alarde”, contou Erick em entrevista ao site Combate.

No entanto, o que começou no garoto de cinco meses se alastrou para toda a família do atleta. Erick explicou um pouco dos sintomas apresentados e contou quais foram as medidas tomadas para evitar uma propagação ainda maior do vírus.

“A família inteira pegou. Estou na casa dos pais da minha esposa e todos nós tivemos os sintomas. O interessante é que temos pessoas de todas as idades, desde meu bebê, de 5 meses, um filho de 10 anos, aí, tem pessoas com 23 anos, 26, 35, 52, 58. Foram quase todas as idades e todos tivemos os mesmos sintomas, mas o problema maior é que, no começo, quando começamos a sentir os primeiros sintomas, a gente não sabia o que era”, explicou o lutador.

“Começou com a minha esposa. No primeiro dia que ela sentiu, teve bastante dor de cabeça, calafrio, e a gente não se ligou. No começo, ninguém se liga. Achamos que era alguma alergia, ela não sentia cheiro e gosto de nada. Depois foi minha sogra, ela também parou de sentir gosto, depois fui eu. Depois foi todo mundo tendo os mesmos sintomas, minha cunhada, meu sogro, os mesmos sintomas para todos”, completou.

Mesmo com todo o susto, Erick Silva fez questão de tranquilizar os fãs e garantir que toda sua família segue bem e recuperada do problema de saúde.

“Todos estão muito bem. A preocupação maior é a falta de informação, a ansiedade. Agora, está todo mundo mais tranquilo. Até pedimos para as pessoas que trabalham na casa não virem, ficamos duas semanas entre a gente para isso passar. Seguimos as recomendações dos médicos”, concluiu.


5 itens essenciais para quem pratica esportes de luta

1- Kit Training - https://amzn.to/2qKYtVH

2- Kimono Jiu Jitsu Unissex - https://amzn.to/2NjtZlo

3- Saco de Pancada Profissional - https://amzn.to/2oiEMDP

4- Kit Boxe Muay Thai - https://amzn.to/2MPVl3z

5- Aparador de soco - https://amzn.to/2pdn05j

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, o SportBuzz pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

SportBuzz agora está no Spotify! Você quer ficar por dentro de todas as novidades do universo esportivo e dos seus atletas preferidos? Acesse https://spoti.fi/2HmL6A4 não dê mais nenhuma bola fora com o seu time do coração!