Sportbuzz
Olimpíadas / OLIMPÍADAS - CANOAGEM

Isaquias Queiroz lamenta perda da medalha nas Olimpíadas e manda recado; veja!

Nas Olimpíadas, Isaquias Queiroz e Jacky Godmann disputaram a grande final da Canoagem

Redação Publicado em 03/08/2021, às 01h47

Isaquias Queiroz e Jacky Godmann disputaram a grande final da Canoagem - Júlio César Guimarães / COB / Fotos Públicas
Isaquias Queiroz e Jacky Godmann disputaram a grande final da Canoagem - Júlio César Guimarães / COB / Fotos Públicas

No final da noite desta segunda-feira, 02, Isaquias Queiroz e Jacky Godmann disputaram a grande final da categoria C2 1000m da Canoagem. Na busca por uma medalha nas Olimpíadas, a dupla do Brasil largou na raia oito.

Com forte vento, Isaquias Queiroz e Jacky Godmann tiveram muito trabalho para superar os demais adversários, que bateram o recorde olímpico na disputa das semifinais da Canoagem. Mesmo assim, a dupla do Brasil se esforçou e ficou com o quarto lugar.

 

Logo após a disputa da grande final da Canoagem, Isaquias Queiroz concedeu entrevista ao Grupo Globo e falou sobre a perda da medalha nas Olimpíadas. Bastante chateado, o atleta fez questão de mandar um recado para a sequência do torneio.

"Daqui a dois dias tem outra prova para buscar o ouro. Não quero sair daqui sem um ouro. O sonho não acabou", disse Isaquias.
 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por SportBuzz (@sportbuzzbr)

 

PROVA!

Logo na largada, Isaquias Queiroz e Jacky Godmann forçaram o ritmo e se colocaram entre os líderes. Com ritmo muito forte, a prova se destacou bastante pela rapidez dos chineses e pela força dos alemães.

Na primeira medição de tempo, Isaquias Queiroz e Jacky Godmann passaram em terceiro lugar e seguiram forçando as remadas. Já com boa vantagem na frente, a China seguiu muito forte na disputa pelo ouro.

Já na segunda medição de tempo, Isaquias Queiroz e Jacky Godmann passaram em quarto lugar e aceleraram o passo para buscar uma medalha nas Olimpíadas. Porém, o ritmo dos três primeiros seguiu muito forte.

Já nos metros finais, Isaquias Queiroz e Jack Godmann apertaram ainda mais as remadas, mas terminaram na quarta posição. Lá na frente, a Alemanha acelerou o passo e ficou com o bronze. No ouro, Cuba subiu ao lugar mais alto do pódio. A China ficou com a prata.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!