Sportbuzz
Busca
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify SportbuzzTiktok Sportbuzz

Barcelona traça plano para ter Messi de volta em 2023

Barcelona está querendo se reaproximar do craque argentino para conseguir convencê-lo de voltar a defender a equipe após o término do seu contrato

Redação Publicado em 27/07/2022, às 09h26

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Ex-jogador do Barcelona, Messi - GettyImages
Ex-jogador do Barcelona, Messi - GettyImages

O Barcelona não desistiu de ver Messi novamente vestindo a camisa do clube. Apesar de estar bem focado e ativo no atual Mercado da Bola, a equipe catalã já está pensando no futuro, mas para ser mais preciso, em 2023. De acordo com as informações do jornal "Sport", a diretoria já começou o trabalho para tentar contratar o astro na próxima temporada.

A ideia do Barcelona, segundo a publicação, é se reaproximar de Messi, principalmente pela forma tumultuada que ele deixou o clube em 2021, depois que o Barcelona não conseguiu inscrevê-lo por conta dos problemas financeiros. Hoje, o craque argentino tem contrato firmado com o PSG até junho de 2023, e já pode assinar um pré-contrato a partir de janeiro.

Inclusive, essa possibilidade já havia sido levantada no final de semana, quando no último domingo, 24, o presidente do clube catalão, Joan Laporta, afirmou que possui um sentimento de dívida com Messi e que gostaria de proporcionar uma despedida à altura para o craque, que se emocionou muito no seu último dia vestindo as cores da equipe.

"Espero e desejo que o capítulo de Messi no Barça não tenha terminado. É nossa responsabilidade garantir que este capítulo, que ainda está aberto e não foi fechado, tenha um momento em que possa ser feito como deveria ter sido feito. Com um final muito mais esplêndido do que foi", disse o presidente do clube, Joan Laporta à "ESPN".

Ex-jogador do Barcelona, Messi correndo em campo
Ex-jogador do Barcelona, Messi correndo em campo (Crédito: GettyImages)

Vale lembrar que Laporta chegou no comando do Barcelona no ano passado, somente alguns meses depois de Messi querer deixar o clube após viver algumas divergências com a diretoria de Josep Maria Bartomeu. O novo presidente ainda viu o astro mudando de opinião e passando a querer renovar seu contrato, mas as questões financeiras falaram mais alto.

Diante dessa situação, o atual mandatário tentou o que pôde para renovar o contrato do jogador, mas também se enquadrar nas regras do Fair Play Financeiro de La Liga. Apesar disso, por conta do alto valor que envolve um negócio com o argentino, a diretoria decidiu deixar o jogador se transferir para o PSG, e por isso Laporta não esconde que ficou chateado com esse processo.


Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!