Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Testeira
Futebol » CHELSEA!

Conheça Marina Granovskaia, a responsável pelo sucesso do Chelsea na temporada 2020/21

Também conhecida como 'Dama de Ferro', Marina é diretora de futebol do Chelsea e tem grande mérito pela temporada dos Blues

Gabriel Soria Publicado em 31/05/2021, às 08h04

Marina Granovskaia foi a encarregada de todas as contratações para a temporada dos Blues
Marina Granovskaia foi a encarregada de todas as contratações para a temporada dos Blues - Getty Images

Campeão da Champions League no último sábado, o Chelsea conquistou os títulos da Premier League em 2017 e o da Europa League em 2019, e esse recente sucesso tem nome e sobrenome.

A busca pelo bicampeonato da Liga dos Campeões começou muito antes do apito inicial contra o Sevilla no Stamford Bridge, na primeira rodada da fase de grupos. Na verdade tudo começou no dia primeiro de julho de 2020, com a oficialização do primeiro reforço, Hakim Ziyech.

Com o tempo, cada vez mais reforços chegavam à equipe, que não se intimidou em gastar. Contudo, no final das contas, o valor gasto passou a ser investimento, devido ao retorno que os jogadores deram durante a temporada.

Porém, o que alguns não sabem, é que a russa Marina Granovskaia, é a grande responsável pela chegada desses reforços ao clube. Também conhecida como 'Dama de Ferro', Marina oficializou a contratação de Kai Havertz, Timo Werner, Hakim Ziyech, Ben Chilwell, Edouard Mendy, Thiago Silva (sem custos) e, além disso, do técnico Thomas Tuchel.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Chelsea FC (@chelseafc)

 

Início de Trabalho

Marina chegou ao Chelsea em 2003 e, inicialmente, começou a trabalhar nas empresas de Roman Abramovich, dono do clube. Contudo, com o passar dos anos, ela passou a ser cada vez mais envolvida nas decisões internas do clube. Com isso, além das contratações recentes, em 2016 a Dama de Ferro foi a responsável pelo acordo de cerca de 234 milhões de reais por ano entre os Blues e a Nike, até 2032.

"Este é um negócio incrivelmente emocionante e importante para o clube. Com o Chelsea, a Nike apresentará excelência e inovação, e estamos ansiosos para trabalharmos juntos. É certo que será uma parceria de sucesso. Acreditamos que a Nike será importante para nosso crescimento em novos mercados, e também vai nos ajudar a manter nosso lugar entre os clubes da elite do futebol mundial", falou Marina sobre o acordo em entrevista ao site do Chelsea.

Em 2017, com a saída de Michael Emenalo, a russa assumiu o cargo de diretora de futebol dos Blues e mudou a forma de se trabalhar no mercado da bola. Conhecida como uma equipe que sempre comprou muitos jogadores por altos valores e vendia por pouco, o Chelsea passou a valorizar a venda e a fazer caixa com isso.

Como por exemplo, a venda de David Luiz ao PSG, que rendeu 49,5 milhões de euros aos cofres dos ingleses. A venda de Diego Costa ao Atlético de Madrid também foi muito boa para o clube londrino, que arrecadou 60 milhões de euros. 

Com o tempo, Marina foi implantando sua forma de trabalhar e, em 2020, gastou o que precisava ser gasto para recolocar o Chelsea no topo do futebol europeu.

Cerca de 250 milhões de euros investidos deram retorno, já que todos os jogadores contratados tiveram uma importância tremenda durante a Champions League. Havertz, além de comandar o meio campo, fez o gol do título, Timo Werner foi extremamente importante na semifinal contra o Real Madrid, marcando o gol que abriu o placar no jogo de volta.

Ziyech foi o autor do primeiro gol do jogo de volta contra o Atlético de Madrid, nas oitavas de finais. Ben Chilwell, marcou contra o Porto, nas quartas de final. Mendy e Thiago Silva são dois dos nomes defensivos que foram extremamente importantes para os Blues ao decorrer da competição. 

Além de ser extremamente assertiva nas contratações dos jogadores, foi atrás de um técnico que deu estabilidade defensiva para o time e, ao mesmo tempo, contou com grande força ofensiva para definir as partidas. 

Próximos passos

Mesmo antes do título da Liga dos Campeões, o Chelsea já pensava em reforçar ainda mais o seu elenco. O provável alvo principal é Harry Kane, que parece estar de saída do Tottenham. 


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!