Sportbuzz
Busca
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify SportbuzzTiktok Sportbuzz
NFL / ABRIU O JOGO!

Gisele Bündchen quebra o silêncio sobre casamento com Tom Brady

Diante de rumores de crise no casamento, Gisele Bündchen falou sobre desistência de aposentadoria de Tom Brady: “Minha parte eu fiz”

Redação Publicado em 13/09/2022, às 15h15

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Gisele Bündchen quebra o silêncio sobre casamento com Tom Brady - GettyImages
Gisele Bündchen quebra o silêncio sobre casamento com Tom Brady - GettyImages

A modelo brasileira Gisele Bündchen falou publicamente pela primeira vez sobre a atual situação de seu casamento com Tom Brady. Capa da revista norte-americana Elle, ele revelou abrir mão de muitas coisas para apoiar a carreira do astro do futebol americano, que decidiu retomar aos gramados semanas após a aposentadoria ser anunciada.

“Obviamente tenho minhas preocupações. É um esporte muito violento e eu tenho meus filhos, e gostaria que ele fosse mais presente. Tive essa conversa com ele várias e várias vezes. Mas, ultimamente, sinto que todos temos que tomar decisões que funcionem para cada um de nós. Ele precisa seguir o caminho de sua felicidade também”, disse a modelo na entrevista divulgada nesta terça-feira, 13.

Gisele, que deixou a carreira nas passarelas para se dedicar à família, afirmou que se sente realizada neste sentido, como mãe e esposa. A brasileira destacou que se preocupa com a profissão ‘violenta’ do marido, ídolo do New England Patriots e que hoje defende o Tampa Bay Buccaneers.

“Minha parte eu fiz, que foi apoiá-lo. Me mudei para Boston e foquei em criar um casulo e um ambiente de amor para que minhas crianças pudessem crescer, além de estar lá por ele, o apoiando em seus sonhos”, disse em outro trecho. Gisele e Brady, juntos, são pais de Benjamin, de 12 anos, e Vivian, de 9.

Gisele e Tom Brady, no Super Bowl
Gisele e Tom Brady, no Super Bowl (Crédito: GettyImages)

“Obviamente, tenho minhas preocupações – este é um esporte muito violento, e tenho meus filhos e gostaria que ele estivesse mais presente”, disse ela. “Eu definitivamente tive essas conversas com ele várias vezes. Mas, em última análise, sinto que todos têm que tomar uma decisão que funcione para eles. Ele precisa seguir sua alegria também”, acrescentou.

“Ver meus filhos sendo bem-sucedidos e se tornando os seres humanos lindinhos que são, além de vê-lo também ter sucesso e se realizando em sua carreira - isso me deixa feliz. Sinto que fiz um bom trabalho nisso”, disse Gisele ao afirmar que não se arrepende de nada. “Tenho uma lista enorme de coisas que preciso fazer, que quero fazer. Aos 42 anos, sinto que estou mais conectada ao meu propósito”, completou.


Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!