Sportbuzz
Testeira
Futebol / ALÍVIO PROVISÓRIO!

Vasco ganha 'respiro' importante após nova decisão da Justiça; entenda!

Justiça vem cobrando diversas ações do Vasco neste ano

Redação Publicado em 23/08/2021, às 17h56

Vasco vem sofrendo com ações da Justiça - GettyImages
Vasco vem sofrendo com ações da Justiça - GettyImages

Já no final da tarde desta segunda-feira, 23, o Vasco ganhou uma notícia para lá de importante vinda do tribunal. Após ter sido ‘executado’ na Justiça a pagar todas as dívidas trabalhistas – valor de R$ 93,5 milhões -, o clube carioca teve um respiro no início desta semana.

De acordo com as informações do site GE, a presidente do Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região, a desembargadora Edith Maria Correa Tourinho, definiu que o Gigante da Colina poderá centralizar a execução do valor das dívidas.

 

Ainda segundo a publicação, a desembargadora deu um prazo de 60 dias para o Vasco apresente um plano de pagamento. Apesar disso, a presidente do TRT-RJ não aceitou o pedido de suspensão do Regime Especial de Execução Forçada (REEf) feito pelo clube carioca.

Assim, o Vasco segue tendo que resolver a dívida dos R$ 93,5 milhões. Vale destacar que a decisão da desembargadora é válida para a instauração do Regime Centralizado de Execuções (RCE). Porém, a diretoria do clube entende que o principal entrave ainda é o REEf. 

De acordo com o site GE, o Regime Centralizado de Execuções (RCE) serve para que os clubes possam centralizar o valor das dívidas trabalhistas e criar um plano para o pagamento da mesma em até seis anos, além de repassar 20% da receita mensal.

No entanto, o plano só será aceito depois que o Vasco apresentar sua ideia à desembargadora, que analisará o caso e decidirá se a proposta do clube é válida ou não. Apesar da confusão nos nomes e nas ações, a situação segue sendo preocupante.

Isso porque o Vasco segue com a REEf ativa. Ou seja, o clube tem que arcar com o valor de R$ 93,5 milhões para quitar as dívidas trabalhistas. Assim, o clube continua tentando suspender tal decisão da Justiça, já que segue com contas bloqueadas.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!