Sportbuzz
Testeira
Futebol / EITA!

Rogério Ceni alerta São Paulo e abre o jogo sobre Abel Ferreira

Rogério Ceni e Abel Ferreira vão se encontrar na final do Paulistão, e o treinador do São Paulo não quis colocar o favoritismo para o lado de sua equipe

Redação Publicado em 28/03/2022, às 12h00

O São Paulo vai encarar o Palmeiras na final do Paulistão e Rogério Ceni elogiou o trabalho de Abel Ferreira no Palmeiras - Paulo Pinto/SPFC
O São Paulo vai encarar o Palmeiras na final do Paulistão e Rogério Ceni elogiou o trabalho de Abel Ferreira no Palmeiras - Paulo Pinto/SPFC

O São Paulo vai enfrentar o Palmeiras na final do Campeonato Paulista. O técnico Rogério Ceni, inclusive, foi só elogios para o treinador da equipe rival na decisão do estadual. Abel Ferreira foi um dos grandes temas da coletiva de imprensa concedida pelo comandante do Tricolor depois da vitória contra o Corinthians neste domingo, 27, no estádio do Morumbi, pela semi do estadual. 

Rogério Ceni jogou todo o favoritismo da final para o lado do Palmeiras. O treinador do São Paulo não quis saber de qualquer tipo de movimento da sua equipe que aponte algum tipo de vantagem para o Tricolor. O técnico citou o trabalho que Abel Ferreira está fazendo no Verdão e relembrou que a equipe é atual bicampeã da Libertadores

CANAL - SPORTBUZZ:

Vamos tentar competir como sempre fizemos. Chegamos até aqui e vamos brigar com todas as forças. Espero que a Federação Paulista cumpra o que foi estipulado de datas. Em campo nos resta competir com uma equipe que acabou de chegar do Mundial. Nada mais do que o normal ser considerada favorita", afirmou.

Rogério Ceni, além de jogar o favoritismo para o lado de Abel Ferreira, também aproveitou o momento para destacar um pouco mais a fundo os enfrentamentos diretos que teve com o português. De acordo com o treinador, ninguém leva duas Libertadores seguidas por acaso. Além disso, ele fez muitos outros elogios para o rival da final do Campeonato Paulista. 

Jogadores do São Paulo em ação
Os jogadores do São Paulo comemorando a classificação contra o Corinthians no Paulistão (Crédito: Paulo Pinto)


"O trabalho dele fala por si só. Eu repito aqui e falei na semana passada. Ninguém ganha duas Libertadores por acaso. Ele deve ter suas qualidades. Nunca tive outros enfrentamentos com ele. No Flamengo acho que três vezes. Cinco vezes que nos enfrentamos, foram os contatos que tivemos. Mas é um cara competente para montar uma equipe em um sistema de jogo, são jogadores rodados, ele tem material humano para jogar com três defensores, lateral... Mas isso tem muito da criatividade do técnico. Ele merece tudo o que está vivendo, porque ninguém ganha por acaso", completou.


 

 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!