Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Testeira
Futebol » Palmeiras

Patrick de Paula comemora 50 jogos com a camisa do Palmeiras no clássico contra o São Paulo

Caso entre em campo na sexta-feira, 19, o atleta completará 50 jogos como profissional justamente contra a equipe em que fez a sua estreia ano passado

Redação Publicado em 18/02/2021, às 15h02

Patrick de Paula comemorando gol pelo Palmeiras
Patrick de Paula comemorando gol pelo Palmeiras - Getty Images

Na sexta-feira, 19, o Palmeiras vai ao Morumbi enfrentar o São Paulo em um Choque Rei muito especial para um jogador específico do elenco alviverde. Caso entre em campo, o jovem Patrick de Paula completará seu 50º jogo como atleta profissional. A coincidência fica pelo fato de o atleta ter feito sua estreia em 2020, também diante do tricolor paulista.

“Muito feliz em comemorar essa marca com essa camisa maravilhosa. É um sonho realizado vestir e defender o Palmeiras, clube que me deu a oportunidade de fazer o que mais amo. Agradeço muito a Deus, sem ele eu não seria nada, pois foi ele que me abriu as portas, à diretoria, minha família, meus amigos, empresários, àqueles que trabalham comigo e a todos que torcem por mim. Agradeço também a imensa torcida do Palmeiras pelo carinho e respeito que sempre teve comigo”, disse o jogador.

Integrado ao elenco profissional no início de 2020, o volante de 21 anos já viveu muita coisa com a camisa do verdão. Assumiu a responsabilidade de bater o quinto pênalti contra o maior rival na final do Campeonato Paulista, o qual converteu com maestria, além de ter sido campeão da tão desejada Copa Libertadores da América, onde ele atuou em seis partidas junto à sua equipe, vencendo todas elas e ainda participando de dois gols no torneio. Somam-se ainda 11 partidas pelo Campeonato Paulista, três pela Copa do Brasil, 26 pelo Campeonato Brasileiro, duas pela Florida Cup e duas pelo Mundial de Clubes, com cinco gols anotados.

 

 

O jovem foi captado pelo Palmeiras em 2017, após vencer a Taça das Favelas quando ainda jogava no futebol amador do Rio de Janeiro, cidade onde nasceu. Quando chegou na base do verdão, o camisa cinco fazia papel de meia, porém foi quando passou a jogar mais recuado, como primeiro volante, que ele assumiu maior protagonismo.

Pela base o garoto foi Campeão Brasileiro sub-20 em 2018, campeão da Copa do Brasil sub-20 em 2019, além de ter conquistado três Campeonatos Paulista seguidos, em 2017, 2018 e 2019.

Na atual temporada, o jogador é o terceiro do elenco que mais intercepta jogadas, 27 até aqui, além de aparecer bem no quesito desarmes, é o quinto maior ladrão de bola do time, com 74 desarmes.

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!