Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Futebol » COPA ITÁLIA!

Nos pênaltis, Napoli vence Juventus e conquista 6º título da Copa da Itália

Goleiro Meret teve papel fundamental na vitória do time de Gennaro Gattuso

Guilherme Assumpção Publicado em 17/06/2020, às 17h19 - Atualizado às 18h07

Napoli e Juventus se enfrentaram na grande decisão da Copa Itália
Napoli e Juventus se enfrentaram na grande decisão da Copa Itália - GettyImages

Nesta quarta-feira, 17, Napoli e Juventus disputaram a grande final da Copa Itália no estádio Olímpico, em Roma. Ainda com portões fechados, o clássico foi bastante disputado entre as equipes e com grandes chances para os dois lados.

Com muita garra e estudo por parte das equipes, a partida teve boas chances de gol, mas a final foi definida nas penalidades após o empate em 0 a 0. Contudo, a noite era dos goleiros e Meret garantiu a vitória do Napoli e o 6º título da Copa da Itália.

A partida contou com diversos recursos tecnológicos para tentar diminuir os efeitos que a ausência do público pode causar nos jogadores. Sons de cânticos das torcidas e recursos nas arquibancadas foram algumas das novidades na final da Copa Itália.

Mertens ajudou o Napoli a conquistar o sexto título da Copa (Crédito: Divulgação / SSC Napoli)

 

O primeiro tempo começou com muito estudo por parte das equipes e grande equilíbrio nas ações. A Juventus iniciou o duelo com muita velocidade e tentando assustar os rivais logo de cara. Aos cinco minutos, Cristiano Ronaldo aproveitou saída ruim de jogo do Napoli e chutou firme para boa defesa de Meret.

Apesar do bom início de jogo da Velha Senhora, o Napoli passou a equilibrar as ações a partir da metade do primeiro tempo. Com destaque para Mertens e Insigne, o time de Gennaro Gattuso quase abriu o placar aos 23 minutos. Insigne cobrou falta e acertou o travessão de Buffon.

Com bons números da posse de bola, a Juve não conseguia furar a defesa napolitana e o jogo seguia truncado na maioria das jogadas. O duelo voltou a ter momentos de perigo na parte final da primeira etapa, e o experiente Buffon entrou em ação.

Aos 40 minutos, Demme ficou com a sobra após rebatida da defesa e chutou cruzado para ótima defesa do italiano. Na sequência da jogada, o Napoli cobrou escanteio na direita e a bola sobrou com Insigne, que chutou forte e, mais uma vez, Buffon salvou a Juve.

Mesmo com a posse de bola maior da Juventus, o Napoli foi quem conseguiu criar mais chances de perigo à meta adversária. Porém, o clássico foi para o intervalo com o placar de 0 a 0.

O segundo tempo começou com um Napoli mais incisivo e a Juventus parecia sentir a falta de ritmo de jogo. Callejón e Fabián Ruiz tiveram boas chances de abrir o marcador, mas desperdiçaram as oportunidades.

Aos 22 minutos, Buffon se tornou protagonista mais uma vez. Politano, que havia acabado de entrar, chutou rasteiro e obrigou o goleiro a se esticar todo e fazer boa defesa. Com mais posse de bola, o time do Napoli conseguia neutralizar o craque Cristiano Ronaldo e as principais ações da Juve.

A partir da metade da segunda etapa, o clássico teve momentos de troca de ataques e a partida ficou completamente aberta. Contudo, os goleiros pareciam querer levar a decisão para os pênaltis. Meret e Buffon evitaram diversas possibilidades do zero sair do placar.

No último lance, o Napoli ganhou escanteio de graça após vacilo de Bernardeschi e Maksmovic subiu mais alto para cabecear. Porém, a noite era de Buffon e o goleiro fez uma defesa inacreditável para levar a decisão aos pênaltis.

PENALIDADES

Na primeira cobrança, Dybala bateu para a Juventus e viu o goleiro Meret fazer a defesa. Na sequência, Insigne esbanjou categoria e marcou para o Napoli.

Na segunda batida, o brasileiro Danilo isolou a cobrança para a Velha Senhora. Politano cobrou para o Napoli e ampliou a vantagem.

No terceiro pênalti, Bonnuci fez sua parte e diminuiu a para a Juve. Porém, Maksimovic também marcou para o Napoli.

Na quarta cobrança, Ramsey bateu com categoria e deixou a Juventus viva na disputa. Milik foi o responsável pela última batida e deu o título da Copa da Itália ao Napoli.

Com a conquista, o Napoli levantou o sexto troféu da Copa Itália em sua história e o feito foi ainda mais especial para Gattuso, que conquistou o primeiro título em sua curta carreira como treinador.


5 itens de times internacionais que todo amante do futebol vai querer ter

1- Camisa Juventus 1985 Retrô - https://amzn.to/2JeQQgo

2- Caneca Scandinavia Real Madrid - https://amzn.to/2oh7iWs

3- Porta Tênis c/ 2 divisões Manchester City - https://amzn.to/32GlAin

4- Funko Pop! Paris Saint-Germain Kylian Mbappé - https://amzn.to/2pJkLGO

5- Bola Bolsa Esportiva Barcelona - https://amzn.to/2MGSGsQ

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, o SportBuzz pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!