Sportbuzz
Testeira
Futebol / MELHORAS, EDUARDO!

Médico do América-MG abre o jogo sobre situação de Eduardo

Lateral do América-MG, Eduardo foi diagnosticado com um tumor ósseo na tíbia

Redação Publicado em 23/09/2021, às 17h48

Lateral do América-MG, Eduardo foi diagnosticado com um tumor ósseo - Estevão Germano / América / Flickr
Lateral do América-MG, Eduardo foi diagnosticado com um tumor ósseo - Estevão Germano / América / Flickr

Na última quarta-feira, 22, o lateral-direito Eduardo utilizou as redes sociais para relatar um momento delicado em sua vida. Com a camisa do América-MG, o jogador revelou que teve um tumor ósseo diagnosticado após a realização de uma biópsia.

O relato é bastante emocionante, mas Eduardo afirmou estar forte para superar a batalha. No ano de 2019, o lateral viveu problema semelhante. Agora, o jogador foi informado de que o tumor ósseo retornou.

 

Um dia após o relato de Eduardo, o América-MG utilizou as redes sociais para detalhar o estado de saúde do lateral. Por meio de um pronunciamento, o médico Cimar Eustáquio abriu o jogo sobre o tumor ósseo diagnosticado no jogador.

Num jogo em que eu estava como médico de campo, ele apresentou uma dor muito intensa ao nível da tíbia esquerda, que me chamou atenção sobremaneira. Então, conversei com ele e ele me colocou que tinha feito um tratamento na perna, de uma lesão benigna ao nível do osso, mas que estava sob controle - inclusive, com uma oncologista em São Paulo”, iniciou o médico.

De imediato, solicitamos a tomografia dele, ressonância magnética, estudo radiológico, que confirmou uma lesão semelhante - muito sugestiva de uma fratura por estresse mais antiga ou uma fratura por algum outro motivo, parcial. Com isso, o retiramos de todas as atividades e fizemos contato, imediatamente, com a médica que o acompanhava. Nos colocou a situação de uma forma geral e assumiu o caso”, continuou.

Segundo o relato do médico, Eduardo apresentou um tumor ósseo na região da tíbia. Vale lembrar que o lateral viveu a mesma situação no ano de 2019. Ou seja, a doença teve seu retorno constatado pelos profissionais do clube e pela doutora que acompanha o atleta.

Isso foi realizado dentro dos padrões normais. Os primeiros dias de repouso - três semanas, aproximadamente. Depois disso, sob os cuidados dos médicos especialistas de Oncologia, ficou no América fazendo os tratamentos indicados até realizar uma biópsia indicada por eles. Bem especializada, bem específica”, explicou o médico do América-MG.

Ele realizou essa biópsia, cujo resultado veio na semana passada, e nós entramos em contato novamente com o oncologista dele, que falou que realmente é uma recidiva do quadro dele - do tumor benigno que ele tinha antigamente. Iam protocolar um tratamento para ele, mas que precisava de alguns exames e algumas condutas especiais da área”, detalhou.

Ainda no pronunciamento, o médico do América-MG revelou que Eduardo vai realizar o tratamento com sua médica e não com o clube. Segundo ele, os profissionais devem realizar novos exames para definir quais as próximas medidas neste caso.

Ele está em contato com a médica e o grupo que o acompanha para ver qual caminho tomar, qual o tratamento indicado. Depois, nos dará uma resposta de imediato. Parece que farão novos exames dele para ver realmente a lesão no osso, em que estágio está, qual conduta tomar em termos de tratamento. Não é um quadro ligado ao América”, concluiu.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!