Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify Sportbuzz
Futebol / PRONTAS PARA A FINAL!

Brasil esboça mudança na escalação para final da Copa América

No último treinamento antes da decisão, Brasil contou com uma novidade no setor de meio-campo, mas Pia Sundhage segue em dúvida sobre o time titular

Redação Publicado em 29/07/2022, às 15h05

Brasil realizou o último treinamento antes da final - GettyImages
Brasil realizou o último treinamento antes da final - GettyImages

Neste sábado, 30, o Brasil entra em campo para disputar o título da Copa América feminina. Com grande campanha até a final do torneio, a equipe comandada pela técnica Pia Sundhage vai encarar a Colômbia a partir das 21h (horário de Brasília) e já está preparada para pisar no gramado e tentar levantar a taça mais uma vez em sua história.

No último treino antes da grande final, a Seleção Brasileira sofreu uma alteração no time titular por escolha de Pia Sundhage. De acordo com as informações divulgadas pelo site “GE”, Duda Francelino ganhou uma chance entre as onze jogadoras que podem começar a partida. A atleta entrou no lugar da experiente Adriana.

Ainda segundo a publicação, o Brasil voltou a ter Adriana como titular na segunda parte da atividade. Assim, Pia Sundhage deve definir a jogadora que começa a final dentro de campo apenas horas antes do início da partida. No restante do time, a treinadora não promoveu mudanças e vai com o que tem de melhor para levantar a taça.

Com a dúvida citada e pronta para a decisão do torneio, a Seleção Brasileira deve entrar em campo com a seguinte escalação para encarar a Colômbia na grande final da Copa América: Lorena; Antonia, Tainara, Rafaelle e Tamires; Angelina, Ary Borges, Duda Francelino (Adriana) e Kerolin; Debinha e Bia Zaneratto. Treinadora: Pia Sundhage.

Pia Sundhage no treino do Brasil
Brasil realizou o último treinamento antes da decisão (Crédito: GettyImages)

De um lado, o Brasil vem fazendo um belo campeonato até aqui. Assim como suas adversárias, venceu todos os jogos que disputou na competição. No entanto, o time brasileiro já marcou 19 gols e não sofreu nenhum nos cinco jogos disputados. Apesar disso, é de se esperar um confronto mais difícil do que se encontrou ao longo do torneio sul-americano.

A disparidade das seleções no ranking da Fifa não entra em campo, mas ela é real. Enquanto o Brasil tem a nona colocação, sendo a melhor entre as equipes sul-americanas, a Colômbia ocupa apenas a 28ª posição, atrás de países sem muita tradição no futebol feminino como a Coreia do Sul, Islândia, entre outras.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!