Sportbuzz
Busca
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify SportbuzzTiktok Sportbuzz
Copa do Mundo / ESPECIAL

Sadio Mané: a lenda do futebol senegalês

Com trajetória histórica no Liverpool e seleção senegalesa, Sadio Mane é o personagem desta sexta-feira na série produzida pelo SportBuzz

Gabriela Santos Publicado em 02/09/2022, às 13h00 - Atualizado às 13h01

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Sadio Mané, a lenda do futebol senegalês - SportBuzz
Sadio Mané, a lenda do futebol senegalês - SportBuzz

“Sempre me lembro de estar com a bola”. É assim que Sadio Mane se referiu ao início de sua trajetória no futebol em uma entrevista ao “GOAL”. Nascido em 10 de abril de 1992, em Sédhiou, na remota aldeia de Bambali, perto do rio Casamance, Senegal, o ponta-esquerda hoje é um dos principais jogadores do mundo.

Em preparação para a Copa do Mundo de 2022, no Catar, o SportBuzz preparou uma série para contar histórias marcantes de jogadores de cada seleção que estará no Mundial que começa em novembro. Hoje, o personagem em destaque é o atacante Sadio Mané, a lenda do futebol senegalês.

A história em campo do ex-Liverpool começou na década de 2000, quando foi levado para Dakar, capital de Senegal, com apenas 15 anos de idade, para fazer um teste. Com chuteiras surradas e sem roupa apropriada para jogar, o jovem atacante impressionou o famoso olheiro Abdou Diatta, da então Generation Foot, em apenas 15 minutos de atividade.

Seu talento com a bola o levou ao francês Metz, time que o promoveu como profissional em janeiro de 2012, então com 19 anos. Naquele ano, Sadio defendeu a seleção senegalesa nos Jogos Olímpicos de Londres e fez parte da campanha que durou até as quartas de final do torneio, caindo para o México.

Mané em ação pelo Bayern de Munique
Mané em ação pelo Bayern de Munique (Crédito: GettyImages) 

Com o desempenho dentro das quatro linhas naquela temporada, ele chegou ao futebol austríaco para defender o Red Bull Salzburg, em transferência que rendeu ao time francês quatro milhões de euros na época. Nos dois primeiros anos na Áustria não passou batido: foram 19 e 23 gols, respectivamente.

Mané sempre foi observado pelo técnico Jürgen Klopp, então comandante do Borussia Dortmund, que o queria na Alemanha, mas o Salzburg aceitou mesmo a oferta do Southampton: e foi aí que a histórica trajetória na Premier League começou. Em 2014, o atacante senegalês chegou ao clube inglês por 12 milhões de euros.

Sob o comando do treinador Ronald Koeman, anotou dez gols em 32 partidas, e chegou a anotar um hat-trick em menos de três minutos que pertencia a Robbie Fowler, ídolo do Liverpool, desde 1994. Em sua segunda temporada na Inglaterra, foram 15 bolas na rede em 43 jogos em campo. Naquele ano, anotou três gols contra o Manchester City e encontrou Klopp em seu primeiro duelo em Anfield no comando do Liverpool.

A boa passagem pelo Southampton o levou para os Reds para 2016/27, em transferência multimilionária na casa dos 40 milhões de euros. No time encantador do treinador alemão, Mané fez história: marcou logo em seu jogo de estreia, na vitória por 4 a 3 sobre o Arsenal. Em partida oficial, anotou pela primeira vez na golada por 4 a 0 diante da International Champions Cup.

Na temporada de estreia no Liverpool, marcada por uma séria lesão, foi destaque com 29 jogos e 13 gols. No ano seguinte, passou a integrar o ataque com o recém-contratado Mohamed Salah. A chegada do egípcio o fez sair da ponta direita para a esquerda. Mas isso foi apenas um detalhe.

Em Merseyside, conquistou de tudo e foi campeão da Champions League (em uma das três finais que disputou), da Premier League, das Copas da Inglaterra e da Liga Inglesa, da Supercopa da UEFA e do Mundial de Clubes da Fifa. Na primeira decisão da Liga dos Campeões (perdida por 3 a 1 para o Real Madrid), marcou em todas as rodadas até a final. Na decisão da edição seguinte, em 2019, o time derrotou o Tottenham por 2 a 0 e voltou a conquistar o título europeu.

Sua bonita passagem pelos Reds se encerrou em 2022. Ele deixou a Inglaterra com 120 gols em 269 partidas. Ao término da última temporada, que acabou em nova derrota para o Real Madrid na final da Champions League, assinou sua transferência para o alemão Bayern de Munique. Na Alemanha, já são quatro gols em quatro jogos.

Seleção de Senegal

Mané estreou pela seleção senegalesa em 2012, nos Jogos Olímpicos de Londres, e disputou a Copa do Mundo da Rússia, em 2018. No último mundial, foi destaque da equipe nacional, apesar da eliminação ainda na fase de grupos. Em 2022 foi campeão da Copa Africana de Nações, após a emocionante disputa nos pênaltis contra o Egito, do então companheiro Mohamed Salah. São 91 jogos e 33 gols marcados.


Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!