Sportbuzz

Eminem faz gesto no Super Bowl protestando contra ação da NFL

A liga estaria sabendo previamente da intenção de Eminem, que ensaiava o movimento nos preparos para o show do intervalo; confira os motivos da atitude

Redação Publicado em 14/02/2022, às 12h52

Eminem, Dr. Dre, Mary J Blige e Snoop Dogg se apresentam no halftime show - Getty Images
Eminem, Dr. Dre, Mary J Blige e Snoop Dogg se apresentam no halftime show - Getty Images

No domingo, 13, o rapper Eminem contrariou posicionamento da NFL em manifestação feita no show do intervalo do Super Bowl LVI. O ganhador do Oscar pela música “Lose Yourself” (reproduzida na apresentação) se ajoelhou ao fim da sua performance em homenagem ao ex-quarterback Colin Kaepernick, afastado pela liga por fazer o mesmo gesto em crítica ao racismo e à brutalidade policial durante o hino nacional estadunidense.

Além de Eminem, artistas como Dr. Dre, Snoop Dogg e Mary J. Blige também agitaram o evento e trouxeram nostalgia aos espectadores com clássicos do hip-hop. Kendrick Llamar e a participação especial do rapper 50 Cent também chamaram a atenção, com apresentação que muitos consideraram um dos melhores shows do halftime já feitos.

 

CANAL - SPORTBUZZ: 

ENTENDA O CASO:

Kaepernick atuava pelo San Francisco 49ers quando começou a se posicionar politicamente com mais afinco, em 2016, se ajoelhando antes de todas as partidas na execução do hino. A atitude foi adotada por outros jogadores na liga e dividiu opiniões do público, que ou apoiava a manifestação, ou a considerava “desrespeitosa”. A NFL, conhecida por ações controversas e impeditivas na pauta racial, havia proibido o ato.

Após anular seu último ano contratual com os 49ers em 2017, o quarterback não recebeu mais propostas de nenhuma franquia e processou a liga sob acusação de boicote devido aos protestos feitos. Kaepernick acertou termos com a NFL em 2019 e deu fim ao andamento judicial; as condições não foram divulgadas publicamente.

eminem no superbowl
Eminem se ajoelha em protesto ao boicote da NFL sobre Colin Kaepernick (Créditos: Getty Images)

 

Em parceria com a Netflix, o atleta produziu minissérie sobre sua vida ao lado da diretora e roteirista Ava DuVernay. Ao longo dos episódios, são apresentadas as vivências de um menino negro adotado por uma família branca e os obstáculos socio-culturais enfrentados até a realização do seu maior sonho: ser jogador de futebol. “Colin em preto e branco” está disponível no catálogo da plataforma desde outubro de 2021.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por colin kaepernick (@kaepernick7)


 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!