Sportbuzz
Olimpíadas / OLIMPÍADAS - ATLETISMO

Darlan Romani termina em quarto lugar na final do arremesso de peso nas Olimpíadas

Em uma das finais do Atletismo, Darlan Romani representou o Brasil nas Olimpíadas

Redação Publicado em 04/08/2021, às 23h09 - Atualizado em 05/08/2021, às 00h15

Em uma das finais do Atletismo, Darla Romani representou o Brasil nas Olimpíadas - GettyImages
Em uma das finais do Atletismo, Darla Romani representou o Brasil nas Olimpíadas - GettyImages

No final da noite desta quarta-feira, 04, Darlan Romani representou o Brasil na grande final do arremesso de peso no Atletismo. Na busca pela medalha nas Olimpíadas, o atleta entrou com tudo na grande decisão.

Na primeira rodada de arremessos, Darlan Romani foi muito bem e alcançou a marca de 21.88m. Com tal distância, o brasileiro iniciou a final do Atletismo na terceira posição e se colocou entre os postulantes ao título.

 

No entanto, a dupla dos Estados Unidos também seguiu muito forte. No primeiro arremesso de peso, Ryan Crouser marcou 22.83m e estabeleceu o novo recorde olímpico. Na sequência, Joe Kovacs anotou 22.19m e assumiu a segunda posição na final do Atletismo.

Já na segunda tentativa, Ryan Crouser continuou em ritmo alucinante e marcou 22.93m para quebrar o próprio recorde olímpico. Darlan Romani voltou a arremessar o peso e anotou 21.22m para ficar na quarta posição.

Na terceira chance, Darlan Romani piorou a marca e atingiu 20.96m. De qualquer forma, o brasileiro garantiu vaga entre os oito melhores para os três arremessos finais e que iriam decidir o pódio do Atletismo nas Olimpíadas.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por SportBuzz (@sportbuzzbr)

 

FASE FINAL!

Na primeira tentativa da fase final, Darlan Romani voltou a encontrar dificuldades para encaixar o melhor arremesso. Por conta do 'erro', o brasileiro optou por queimar a chance e se concentrou para os últimos dois lançamentos.

Na briga pela medalha de ouro, Ryan Crouser seguiu muito tranquilo na disputa da grande final nas Olimpíadas, mas manteve a marca de 22.93m. Na penúltima tentativa, Darlan Romani se aproximou de sua melhor marca, mas queimou o arremesso.

Já no último arremesso, Darlan Romani não melhorou sua marca e terminou a disputa no quarto lugar. A medalha de ouro ficou com Ryan Crouser, dos Estados Unidos. Joe Kovacs garantiu a prata. Para completar o pódio, Tom Walsh, da Nova Zelândia, ficou com o bronze.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!