Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Testeira
Mercado da Bola » SERÁ?

E agora, Barcelona? Depois de Neymar agitar chegada de Messi, treinador do PSG abre o jogo sobre contratação do craque

Thomas Tuchel não se mostrou muito disposto a falar sobre o tema

Redação Publicado em 04/12/2020, às 16h41 - Atualizado às 17h38

Messi em ação com a camisa do Barcelona
Messi em ação com a camisa do Barcelona - GettyImages

Messi continua sendo o jogador mais desejado pelo PSG e Manchester City para a próxima janela de transferência de verão. O craque não parece disposto a permanecer no Barcelona e, tanto os franceses quanto os ingleses, se colocam à disposição para contratá-lo.

Vale lembrar, que Lionel ficou perto de ir para o City no último período de transferências europeu, porém acabou permanecendo na Catalunha. Mesmo assim, o atacante não esconde seu desejo de sair do Barça e buscar novas experiências em outros times.  

 

Com isso, o Paris Saint-Germain também acabou se interessando pela contratação do craque argentino e pode acabar sendo o seu destino num futuro próximo. Pelo menos foi o que afirmou Neymar, numa entrevista para a ESPN, na última quarta-feira, 2.

O camisa 10 do PSG deixou claro que os dois podem voltar a atuar juntos no próximo ano, mas fez mistério sobre onde isso poderá acontecer. Em tom misterioso, o brasileiro deixou um ponto de interrogação na cabeça de muitos torcedores do Barcelona e também do clube parisiense. 

"O que mais quero é voltar a jogar com ele (Messi). O que mais quero é voltar a desfrutar com ele dentro de campo. Messi poderia jogar no meu lugar, não tem problema. Quero voltar a jogar com ele e temos que fazer isso no próximo ano", explicou. 

No entanto, nesta sexta-feira, 5, Thomas Tuchel concedeu uma entrevista coletiva e foi questionado em relação a esse tema. O técnico do PSG, optou por evitar criar polêmicas e acabou apenas não se pronunciando sobre a vinda de Messi para a França. 

"Tenho muito respeito pelo Barcelona, por Messi. Eu sou treinador do PSG, não posso falar sobre isso", concluiu. 


 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!