Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Testeira
Futebol » LAMENTÁVEL!

Santos condena fala racista de narrador contra o atacante Lucas Braga; confira!

Após o episódio, o profissional de rádio se manifestou e pediu desculpas pela declaração

Redação Publicado em 04/02/2021, às 07h31

Lucas Braga foi vítima de racismo por parte de narrador
Lucas Braga foi vítima de racismo por parte de narrador - GettyImages

Mais uma vez, o futebol brasileiro se vê envolvido em uma polêmica referente ao racismo. Durante o jogo entre Grêmio e Santos, o narrador Haroldo de Souza, da Rádio Grenal, se referiu ao atacante Lucas Braga como “crioulinho”.

Na transmissão da emissora de rádio, Haroldo interagia com um dos repórteres e voltou a citar o atacante Lucas Braga. Desta vez, o narrador questionou: “Ah, o Lucas Braga que está caído lá. É o moreno, né? Moreno, cidadão de cor, numa boa”.

“Aquele crioulinho que está lá na ponta esquerda do time do Santos, quem é ele?”, disse Haroldo.

Obviamente, a declaração do narrador não caiu bem e o Santos divulgou uma nota oficial para condenar a fala racista do profissional. Além disso, a empresa que agencia a carreira de Lucas Braga também lamentou o ocorrido.

“O Clube, através de seu Departamento Jurídico, tomará medidas cabíveis, da mesma maneira esperamos uma reação efetiva do veículo de comunicação empregador desse senhor e da própria comunidade que compõe a audiência de tal rádio”, diz uma parte do comunicado do Santos.

PEDIDO DE DESCULPAS DE HAROLDO DE SOUZA

Logo após a grande repercussão da fala, Haroldo de Souza divulgou comunicado para se defender. Segundo ele, este ‘tipo de declaração’ faz parte do seu cotidiano há mais de 58 anos e não pode ser encarado como uma ofensa. Além disso, o narrador pediu desculpas.

“Sou filho de negro-nego Benê. Sou casado com uma mulher da raça negra. Fui criado em meio aos negros. Criei uma escola de samba com todos integrantes negros, só dois brancos e um sarará. Narrando futebol há 58 anos, muitas vezes disse: ‘Quem é aquele neguinho lá na ponta?’ ‘Quem é aquele alemão ali no meio?’ ‘E esse polaco aí quem é’?”, se defendeu Haroldo.

“Peço desculpas se minha fala ofendeu alguém, mas estejam certos que não houve intenção de racismo e que minha vida pessoal e profissional é pautada pelo respeito a toda sociedade, aos jogadores e torcedores que fazem desse esporte um grande espetáculo”, completou.

Para finalizar, a Rádio Grenal também se manifestou e afirmou não compactuar com qualquer tipo de preconceito. Apesar disso, a emissora não falou sobre uma possível punição ao narrador Haroldo de Souza.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!