Sportbuzz
Testeira
Futebol / NOVA MANDATÁRIA?

Principal patrocinadora do Palmeiras, Leila Pereira vai se candidatar a presidência do clube; saiba mais!

Leila Pereira fará o anúncio de sua candidatura a presidência do Palmeiras em um jantar com os conselheiros do clube

Redação Publicado em 12/08/2021, às 08h33 - Atualizado às 08h33

Leila Pereira, principal patrocinadora do Palmeiras, com a camisa do clube e o troféu da Libertadores - Reprodução/Instagram
Leila Pereira, principal patrocinadora do Palmeiras, com a camisa do clube e o troféu da Libertadores - Reprodução/Instagram

O que era apenas um desejo, se tornou realidade para Leila Pereira! Segundo informações do site "Globo Esporte", a principal patrocinadora do Palmeiras vai lançar a sua candidatura a presidência do clube na segunda-feira, 16, em um jantar com os conselheiros Alviverdes.

A eleição presidencial do Palmeiras acontece apenas em novembro, mas os bastidores já começaram a se agitar, e os conselheiros já foram informados, através de uma mensagem, que a patrocinadora vai confirmar presença no pleito para substituir Maurício Galiotte.

Apesar dessa decisão, segundo a publicação, ainda não há uma indicação sobre qual será a chapa que Leila Pereira estará presente, que precisa ter quatro nomes para vice-presidência. Na atual gestão, Paulo Buosi, Alexandre Zanotta, José Caliari e Décio Perin são os atuais vices.

Leila sempre teve seu nome atrelado a presidência, e para concorrer com o apoio da gestão atual.

Desde que chegou ao Palmeiras, a patrocinadora teve uma rápida ascensão no clube, e se tornou uma grande força política do Verdão, e acumulou nos últimos anos vitórias em pautas defendidas pela sua base no Conselho Deliberativo.

Até aqui, ela já conquistou a sua primeira candidatura ao Conselho depois de denúncias sobre o prazo de associação, o aumento do mandato presidencial para três anos e o reconhecimento dos investimentos da patrocinadora em contratações como empréstimos.

Além de a chapa não ter sido definida, também não sabemos ainda quem irá concorrer junto com Leila, mas Saverio Orlandi, diretor de futebol e ex-membro do Conselho de Orientação e Fiscalização (COF), estaria tentando articular sua candidatura com a ala da oposição.

Luiz Pastore (MDB), primeiro suplente do Senado Federal pelo Espírito Santo, é outra possibilidade discutida, segundo a publicação.

É bom destacar que o processo eleitoral do Palmeiras exige o cumprimento de algumas etapas. A primeira é a realização do registro das chapas e a votação no filtro do Conselho. Para isso, apenas as candidaturas aprovadas por 15% do Órgão poderão participar da Assembleia.

A partir desse encontro que será definido no mês de novembro o novo presidente do clube.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!