Sportbuzz
Testeira
Futebol / DESFALQUE!

Por não conseguir se recuperar de lesão, Ibrahimovic desfalca o Milan contra o Atlético de Madrid

Aos 39 anos, e defendendo o Milan, Ibrahimovic reconheceu que não é mais um menino

Redação Publicado em 27/09/2021, às 09h01

Ibrahimovic, jogador do Milan fazendo careta de dor - GettyImages
Ibrahimovic, jogador do Milan fazendo careta de dor - GettyImages

Como não conseguiu se recuperar da lesão no tendão de Aquiles, que já o deixou fora da estreia do Milan na Champions, Ibrahimovic também não estará presente nesta terça-feira, 28, no confronto diante do Atlético de Madrid, pela mesma competição.

Inclusive, vale lembrar que Ibrahimovic passou boa parte da temporada passada com uma lesão no joelho, e jogou apenas um pouco mais de 30 minutos contra a Lazio no último dia 12, quando até chegou a fazer um gol, mas depois começou a sentir o tendão de Aquiles.

Dessa forma, segundo o site "Globo Esporte", a expectativa para que Ibrahimovic volte aos gramados está sendo cotado para depois da Data Fifa de outubro.

Em entrevista recente à revista "Sportweek", o jogador deixou de lado aquele ar todo de "convencido", e admitiu que não é mais um menino, e que sabe que precisa se cuidar mais.

"Tenho que pensar devagar e achar que não sou um super-homem. Tenho que escutar meu corpo e todo sinal que ele manda para mim", disse o jogador.

É importante lembrar também que Ibrahimovic tem contrato com o Milan até junho do ano que vem, e se não se recuperar bem e voltar a sofrer uma nova lesão, uma renovação com a equipe pode ser descartada.

A estreia na Champions

A partida entre Liverpool e Milan foi a melhor desta rodada de estreia da Champions League. Com um placar de 3 a 2, os ingleses, que começaram ganhando, chegaram a levar a virada no primeiro tempo, mas mostraram força e conseguiram sair com os três pontos do Anfield Road.

Durante todo o jogo, foi o Liverpool quem ditou o ritmo e conseguiu criar as melhores oportunidades. No entanto, na etapa inicial, aproveitaram apenas uma das chances, enquanto o Milan chegou duas vezes e conseguiu a virada. No segundo tempo, os Reds foram precisos e saíram com o placar de 3 a 2.  

Primeiro tempo

Os primeiro 45 minutos do retorno do Milan à Champions League foram de fortes emoções. O time sofreu com a intensidade e velocidade do ataque do Liverpool e de cara começou o confronto perdendo por 1 a 0.

O placar só não foi pior na etapa inicial, pois Maignan abriu sua caixinha de ferramentas e fez defesas espetaculares no Anfield Road. 

Logo aos 3 e 4 minutos de partida, o Liverpool chegou duas vezes com muito peerigo. Em duas jogadas pela esquerda, com Robertson, o lateral encontrou Origi e Diogo Jota, mas os dois atacantes não souberam aproveitar as respectivas chances e viram elas saírem pela linha de fundo. 

Com a constante presença do Liverpool no campo de ataque, não demorou muito para que os ingleses abrissem o placar. Aos 8 minutos, Alexander Arnold tabelou com Salah, invadiu a área e tocou na saída de Maignan para fazer 1 a 0 e colocar os donos da casa em vantagem. 

Depois do gol, os Reds seguiram em cima do Milan e não deram oportunidades para que o time italiano conseguisse sair jogando.

Numa jogada pela direita, Arnold cruzou para o meio e Bennaccer colocou a mão na bola. O juiz marcou a penalidade, Salah foi para cobrança e Maignan fez uma grande defesa para manter o 1 a 0 no placar. 

Sem atacar praticamente o primeiro tempo inteiro, o Milan surpreendeu e começou a avançar. Aos 41 minutos, na primeira grande chegada de perigo dos rossoneros, Kessié encontrou Rebic sozinho na área e o croata bateu com categoria no canto esquerdo de Alisson para empatar. 1 a 1.

Na sequência, dois minutos depois, o Milan surpreendeu à todos e conseguiu uma virada espetacular. Num contra-ataque mortal, Rafael Leão deixou Rebic em ótimas condições, dentro da área, o atacante rolou para Saelemaekers, que chutou para o gol sem goleiro.

A bola ia entrando, mas Robertson apareceu e tirou em cima da linha, no rebote Díaz empurrou para o fundo do gol. 2 a 1. 

Segundo tempo

Depois de um final de primeiro tempo eletrizante, a etapa final começou da mesma forma. Antes do primeiro minuto o Milan chegou a fazer o terceiro, mas Saelemaekers estava impedido. Dois minutos depois, o Liverpool respondeu com um de Salah, que deixou tudo igual no Anfield Road. 

Na jogada do segundo gol dos Reds, o egípcio tabelou com Origi, que deu um passe maravilhoso e deixou o companheiro na cara do gol. Salah esperou Maignan sair para bater forte e colocar o 2 a 2 no placar. 

Após o empate, o Milan se fechou ainda mais no campo de defesa e viu, novamente, o Liverpool comandar o jogo. Os donos da casa criaram algumas jogadas com Robertson e Origi, porém não souberam aproveitá-las e pararam em Maignan. 

A alegria do Milan durou pouco. Sem conseguir se encontrar no jogo, os italianos foram abdicando de jogar e ficando cada vez mais fechados na defesa. O Liverpool, por sua vez, foi para o ataque e consguiu a virada. Henderson aproveitou o rebote do escanteio e bateu de primeira para fazer um golaço. 3 a 2. 

No final da partida, o Milan tentou correr atrás do prejuízo e criou uma grande chance para sair com pelo menos um ponto da Inglaterra. No entanto, Kjaer viu Alisson fazer uma grande defesa e garantir a vitória do Liverpool na primeira rodada da fase de grupos da Champions League. 


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!