Sportbuzz
Testeira
Futebol / FORAM BEM!

Mesmo após nova derrota do Fluminense, Roger defende esquema: "Temos mais sucessos que insucessos nesse modelo"

Roger disse que a partida diante do América-MG foi de pouca qualidade pelo lado do Fluminense

Redação Publicado em 09/08/2021, às 08h28

Roger, treinador do Fluminense - GettyImages
Roger, treinador do Fluminense - GettyImages

Neste domingo, 8, o Fluminense conheceu sua terceira derrota seguida no Brasileirão, depois de perder para o América-MG, que está na zona de rebaixamento, por 1 a 0. Apesar de não estar muito bem no campeonato, para Roger Machado, essa não é a hora de mudar o esquema tático.

Durante entrevista coletiva concedida no fim da partida, Roger defendeu o esquema utilizado no Fluminense até aqui, e disse que não avalia este momento como o ideal para fazer uma troca nesse sentido.

"Não vejo momento de uma troca de estrutura com uma ruptura muito grande do que temos feito. As alternâncias a gente tem colocado dentro do campo, saindo em um 4-3-3 ou em um 4-4-2 como foi contra o Sport; alterando no meio da partida para um 4-4-2 com um pouco mais de liberdade para os jogadores de meio; colocando jogadores com mais destreza para segurar a bola e organizar pela técnica, como o Paulo (Henrique Ganso) e Cazares. Não vejo que esse momento seja ideal para fazer isso (mudar) porque as decisões estão aí", disse em entrevista ao "Premiere".

Além disso, Roger indicou a consistência defensiva como a principal base para a forma como a equipe está jogando, e ainda avisou que o Fluminense não vai criar muitas chances de gol, mas vai precisar aproveitar as que conseguir.

"Nós criamos um time seguro defensivamente, que hoje acabou sofrendo com os contra-ataques depois que a gente abriu um pouco mais o time. Mas de um modo geral a segurança defensiva que vai fazer a gente evoluir na partida. As oportunidades que nós criamos não serão muitas, temos que ter a eficiência e competência na hora de empurrar a bola para o gol. Dependendo do jogo, da capacidade do adversário, impede que a gente consiga ter esse sucesso. Até agora, temos conseguido muito mais sucessos do que insucessos com esse modelo, acho que é a isso que tem que se apegar", indicou o treinador.

Essa permanência do esquema tático será alvo de avaliações de especialistas e torcedores na próxima rodada do Brasileirão, quando o Fluminense visita o Internacional no próximo domingo, 15, às 20h30 (horário de Brasília), no Beira-Rio.

No entanto, alguns dias antes, na próxima quinta-feira, 12, o time começa sua caminhada na disputa das quartas de final da Libertadores diante do Barcelona de Guayaquil no Maracanã.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!