Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify Sportbuzz
Futebol / SUL-AMERICANA!

Internacional perde para o Colo-Colo e se complica na Sul-Americana

Internacional agora precisa vencer o Colo-Colo por três ou mais gols de diferença no jogo da volta para conseguir a classificação no tempo normal

Redação Publicado em 29/06/2022, às 06h55 - Atualizado às 11h15

Treinador do Internacional, Mano Menezes - GettyImages
Treinador do Internacional, Mano Menezes - GettyImages

O Internacional viu a sua situação na Sul-Americana se complicando ao passar da noite desta terça-feira, 29. Jogando fora de casa, no Chile, a equipe teve uma das atuações mais duvidosas desde que Mano Menezes chegou no comando, e acabou sendo superada pelo Colo-Colo por 2 a 0 em Santiago, no jogo de ida das oitavas de final da competição.

Os donos da casa abriram o placar com Lucero, que contou com uma falha de Heitor logo aos 11 minutos do primeiro tempo. Solari aproveitou a vantagem e ampliou aos nove do segundo tempo. Estevão até marcou no final, mas o lance foi anulado depois da revisão no monitor. O árbitro invalidou o lance por conta de um toque de braço de Edenilson no começo da jogada.

Canal - SportBuzz

O jogo

Primeiro tempo

Já era de se esperar que o Colo-Colo iria chegar com muita pressão, e esse fato se confirmou logo nos primeiros minutos. Apesar disso, a primeira chance do jogo foi do Internacional, quando aos 10 minutos, Pedro Henrique arriscou de fora da área e acertou a trave. Somente um minuto depois, Costa aproveitou a falha de Heitor e tocou para Lucero abrir o placar.

Com 16 minutos de bola rolando, os chilenos buscaram duas boas oportunidades de gol e por pouco não marcaram de novo. O abafa continuou, principalmente pelo lado direito e entre Costa e Heitor, sendo que o uruguaio levou mais vantagem nesse sentido. A derrota parcial por 1 a 0 foi levada para o vestiário Colorado, que prometeu revidar.

Internacional x Colo-Colo na partida da Sul-Americana
Internacional x Colo-Colo na partida da Sul-Americana (Crédito: GettyImages)

Segundo tempo

Na volta do intervalo, apesar da substituição da saída de Heitor para a entrada de Rodrigo Moledo, com Mercado indo para a lateral direita, o resultado da alteração não foi o que o comandante estava esperando. Isso porque a defesa voltou a falhar aos 10 minutos, e Solari pegou o rebote, deixando Moledo caído e batendo no canto de Daniel para ampliar.

O gol foi sentido pelo Internacional, que não conseguiu reagir de imediato, e ainda teve que lidar com o adversário assustando nos contra-ataques. A parte final do jogo foi marcada por uma polêmica de arbitragem. Na esquerda, Moisés cruzou e Estevão marcou aos 43, mas o árbitro foi chamado pelo VAR para revisar o lance, observando um toque de braço de Edenilson.

E agora?

Agora, a equipe Colorada precisa vencer por três ou mais gols de diferença para se classificar no tempo normal jogando em casa. Se ganhar por dois gols, a decisão vai para os pênaltis. Já o Colo-Colo joga por três resultados, sendo a derrota por um gol, o empate e a vitória. Vale lembrar que o gol qualificado não é mais critério de desempate na Sul-Americana.

Próximos compromissos

Tendo que deixar essa derrota para trás, o Internacional volta a campo neste sábado, 2, às 19h (horário de Brasília), diante do Ceará, em Fortaleza, pela 15ª rodada do Brasileirão. O confronto de volta válido pelas oitavas de final da Sul-Americana está marcado para acontecer na próxima terça-feira, 5, às 21h30 (horário de Brasília), no Beira-Rio.

Problemas existiram

Mano Menezes admitiu ter visto problemas no desempenho do Internacional na derrota. O treinador reconheceu as dificuldades para jogar e criar situações de gol. A forma passiva como os atacantes atuaram também foi comentada pelo comandante, que justificou a escolha "óbvia" por Heitor e o zagueiro Rodrigo Moledo no banco.

"A gente criou pouco na parte ofensiva para construir um resultado diferente. O Colo-Colo foi merecedor da vitória. Não temos que reclamar de uma melhor sorte em termos de vitória ou empate porque não fomos merecedores de um resultado melhor. A meu ver, seria derrota de 2 a 1 porque fizemos um gol que deveria ter sido validado. Temos essas coisas que hoje mais atrapalham que ajudam", explicou.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!