Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify Sportbuzz
Futebol / COLETIVA!

Hulk recebe homenagem do Atlético-MG e analisa volta de Cuca

Bastante sincero, Hulk vibrou com a marca especial alcançada no Galo e projetou o primeiro jogo sob o comando de Cuca, que foi anunciado recentemente

Redação Publicado em 29/07/2022, às 21h11

Hulk recebe homenagem do Galo - Pedro Souza / Atlético / Flickr
Hulk recebe homenagem do Galo - Pedro Souza / Atlético / Flickr

Nesta sexta-feira, 29, o atacante Hulk recebeu linda homenagem depois de completar 100 jogos com a camisa do Atlético-MG. Na sala de imprensa do CT, o camisa sete ganhou uma placa especial pela marca alcançada e concedeu entrevista coletiva para falar sobre a fase do clube mineiro nesta temporada do futebol brasileiro.

Questionado sobre o retorno de Cuca, Hulk quebrou o silêncio sobre o trabalho realizado pelo treinador na primeira semana de volta comando do Galo. Na visão do camisa sete, o técnico chega com a vantagem de conhecer os jogadores e de saber como extrair o melhor de cada um. Além disso, o atacante projetou o duelo contra o Internacional.

Temos um jogo fora de casa muito importante já iniciando a segunda volta do Brasileiro, vamos ter que trabalhar muito mais, porque perdemos pontos que não poderíamos ter perdido. Foi uma semana boa de trabalho com a chegada do professor Cuca, que já conhece o plantel”, iniciou Hulk para os jornalistas.

Conseguiu fazer um ótimo trabalho esta semana para que a gente pudesse recuperar algumas coisas que não estavam acontecendo. Se a gente manter nosso trabalho, nosso foco, nossa determinação, nossa humildade de saber que a gente precisa errar menos, acertar mais. O Cuca, pela experiência que tem, ele vai agregar muito ao nosso grupo”, completou Hulk.

Hulk em ação
Hulk está animado pelo retorno de Cuca (Crédito: GettyImages)

Já sobre a marca de 100 jogos com a camisa do Galo, Hulk festejou o fato de estar bastante adaptado ao clube desde que chegou e prometeu muito esforço para atingir os 100 gols em sua passagem pelo Atlético-MG. “O Victor até brincou quando eu vou chegar aos 100 gols. Vou trabalhar bastante. Sinto-me em casa aqui. Espero honrar esse manto sagrado com muita raça e determinação”.

Futebol brasileiro é muito difícil. É muito difícil abrir uma vantagem boa, e basta perder dois ou três jogos que quem está embaixo encosta e tem muita lenha pra queimar ainda, tem muitos jogos. Se a gente focar, a gente tem tudo para poder recuperar os pontos perdidos", seguiu.

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!