Sportbuzz
Testeira
Futebol / LIBERTADORES

Flamengo: Gabigol cobra atitude da Conmebol após episódio de racismo no Paraguai

Atacante rubro-negro criticou posicionamento da entidade em casos de racismo: “Passam pano e seguem o jogo”

Redação Publicado em 12/08/2021, às 13h19

Flamengo: Gabigol cobra atitude da Conmebol após episódio de racismo no Paraguai - Alexandre Vidal / Flamengo / Flickr
Flamengo: Gabigol cobra atitude da Conmebol após episódio de racismo no Paraguai - Alexandre Vidal / Flamengo / Flickr

A goleada do Flamengo por 4 a 1 sobre o Olimpia, pela ida das quartas de final da Libertadores, também foi marcada por ofensas racistas por parte da torcida paraguaia. A delegação rubro-negra foi vítima do episódio de racismo durante a partida no Estádio Manuel Ferreira, em Assunção, no Paraguai.

No desembarque do Flamengo no Rio de Janeiro na madrugada desta quinta-feira, 12, o atacante Gabigol, um dos alvos dos ataques, cobrou a Conmebol pelo episódio e lamentou que a entidade sul-americana por muitas vezes não toma atitudes. Ele também revelou que cobrou diretamente um representante da Conmebol, ainda no gramado.

 

“Eu sofri também. Depois do jogo, tive que dar coletiva, atravessei o campo e discuti com o cara da Conmebol. Eles falaram que iam denunciar e não aconteceria mais. É muito ruim. Isso não existe mais. Ficamos tristes e não é a primeira vez. Aconteceram várias vezes comigo, com colegas e não gostamos”, disse o jogador ao “GE”.

“Sabemos que eles acabam ‘passando um pano e segue o jogo’, mas sempre acho que isso não é certo. Espero que tomem uma decisão importante sobre isso, porque não é certo e todos sabem”, completou.

De acordo com a transmissão da “FOX Sports”, os ataques partiram da torcida do Olimpia, ainda no final do primeiro tempo, tendo como principal alvo o goleiro Gabriel Batista, que estava no banco de reservas. Matheuzinho e Rodinei rebateram os ataques. Na volta do intervalo, o técnico Renato Gaúcho percebeu que as injúrias continuaram e avisou o quarto árbitro.

Com a goleada sobre o Olimpia, Flamengo abriu vantagem por uma vaga na semifinal da competição continental. Invicto na Libertadores, o time de Renato Gaúcho precisa apenas de um empate na volta, mas poderá até perder por 3 a 0 que confirma a classificação.

O jogo de volta das quartas de final da Libertadores será disputado na próxima quarta-feira, 18, às 19h15 (de Brasília), no Mané Garrincha, em Brasília. O Flamengo volta a campo no domingo, 15, às 16h, contra o Sport, pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!