Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Futebol » EXCLUSIVO SPORTBUZZ

EXCLUSIVO: Renan Gorne, do Confiança, projeta acesso do time para a Série A do Campeonato Brasileiro

Atacante foi o responsável por marcar o gol que deu o acesso do Dragão para a Série B do Campeonato Brasileiro

Izabella Macedo Publicado em 14/07/2020, às 17h00

Renan Gorne, do Confiança, projeta novas conquistas com a camisa do clube e revela desejo de voltar ao Botafogo
Renan Gorne, do Confiança, projeta novas conquistas com a camisa do clube e revela desejo de voltar ao Botafogo - Instagram

O atacante Renan Gorne, de 24 anos, pertence ao Confiança, de Sergipe, mas antes de chegar ao Dragão e cravar seu nome na história do clube, o jogador teve uma breve passagem pelo elenco profissional do Botafogo, fato que ainda o deixa com saudades.

Pelo clube carioca, Renan chegou nas categorias de base ainda garoto e sua oportunidade na elite do Fogão chegou no fim do empate em 2 a 2 contra o Coritiba, em 11 de junho de 2017. 

Apesar dos poucos minutos em campo, o atacante conta, em entrevista exclusiva ao SportBuzz que o gostinho de quero mais ainda segue vivo e que seu objetivo no futuro é voltar a vestir a camisa Alvinegra.

"Sem dúvidas, desde que eu entrei no Botafogo nas divisões de base eu tinha esse pensamento de poder atuar pelos profissionais, tive esse gostinho por 15 minutos, gostaria de poder ter jogado um pouco mais, ter atuado mais com a camisa do Botafogo no time principal, mas papai do céu não quis que fosse desse jeito, fez um outro caminho para mim", disse.

Mesmo assim, hoje Renan entende que se não deu certo naquele momento, era porque seu caminho tinha que ser trilhado de uma outra forma, mas sua maior vontade em voltar ao Nilton Santos é poder retribuir o carinho da torcida.

"Não me arrependo de nada que eu tenha feito por lá, mas acho que tudo tem um propósito. Hoje eu me vejo um jogador muito mais maduro, muito mais amadurecido e quem sabe um dia no futuro eu não possa voltar, vestir a camisa do Botafogo e poder retribuir o carinho que a torcida botafoguense tem comigo, gostaria muito de um dia poder voltar a atuar pelo Botafogo e também em equipes grandes do nosso futebol brasileiro", contou.

Com um ano atuando pelo Confiança, Renan já conseguiu um feito muito almejado pelos jogadores hoje em dia: colocar seu nome na história do clube e ser lembrado pelas suas atuações.

Em 2019, foi da cabeça do jogador que saiu o gol responsável por conceder o acesso do Confiança para a Série B do Campeonato Brasileiro, algo que não acontecia há 27 anos e que pela primeira vez foi conquistado dentro de campo.

Além da felicidade dos próprios jogadores e diretoria, que não viam um clube sergipano disputando a segunda divisão nacional há 18 anos, o feito também mexeu muito com o sentimento dos torcedores, apaixonados pelo time do coração.

"Fazer esse gol do acesso, que colocou o Confiança na Série B depois de 27 anos, mas é a primeira vez do Confiança conquistando o acesso da Série B no campo, é a primeira vez, então é uma coisa muito marcante e como exemplo disso foi a festa que a torcida fez para a nossa chegada aqui e tudo mais e ter feito parte desse momento histórico marcando o gol do acesso com certeza vai ser uma coisa que eu vou levar para a vida inteira porque são esses tipos de gols que marca a carreira de um jogador, ainda mais sendo um atacante, então fico muito feliz de ter passado por isso, mas já passou, é histórico, agora a gente tem que trabalhar para conquistar coisas ainda maiores", lembrou.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Que festa, padrimmm!! Sem palavras pra isso!! 👏🏽👏🏽👏🏽 #serieb 🔵🐲🐉

Uma publicação compartilhada por Renan Gorne (@rgorne) em

 

Hoje, o sonho do jogador com a camisa do Confiança é ainda maior: conseguir ainda neste ano, o acesso do time para a Série A do Campeonato Brasileiro.

"O meu maior objetivo hoje é conseguir o acesso para a Série A, não tem sonho maior para quem está aqui no clube, pois seria um feito mais uma vez muito maior do que esse acesso da Série C para a Série B. A gente conseguindo ter uma boa campanha na Série B, fazendo bons jogos, tendo uma sequência de resultados bons, a gente sabe que as oportunidades vão aparecendo e a gente tem que acreditar, só depende da gente, então meu maior sonho aí seria o acesso para a Série A ainda esse ano", almejou.

Mas antes de chegar ao clube de Sergipe, Renan pôde sentir o gostinho de atuar em uma equipe internacional, o North Carolina FC, dos Estados Unidos e comparando o estilo de jogo dos ex-companheiros com o do Brasil, o jogador destaca a questão física dos atletas.

"Lá o futebol é diferente do nosso brasileiro, é um futebol muito mais físico, de muito mais contato e direto, eles estão sempre procurando o gol o máximo possível e a principal dificuldade que eu encontrei lá foi mais a parte física dos outros atletas em relação a mim, mas com a qualidade nossa brasileira, acho que eu consegui me sair bem em praticamente todos os jogos porque a parte física é importante? É, mas ela sozinha ela não joga, se você não tiver o mínimo de técnica para jogar, você tem dificuldade", destacou.

Geralmente, quando um jogador tem a oportunidade de atuar em uma equipe de fora de seu país, a questão do idioma e adaptação com a cultura são os principais fatores de dificuldades encontradas por eles.

No caso de Renan, uma experiência em um intercâmbio antes de atuar na equipe profissional, foi fundamental para deixar as coisas mais tranquilas.

"Com relação a minha ida aos Estados Unidos, era uma outra cultura, mas no meu caso especial, não era tão diferente assim porque eu já tinha ido aos Estados Unidos outras vezes para jogar quando eu era bem novo. Com 14 anos eu fui convidado para fazer um intercâmbio por lá e acabei fazendo amizades e tudo mais e posteriormente acabei voltando para ver esses amigos que eu fiz e até que surgiu essa oportunidade de poder ir para lá em 2017 para jogar profissionalmente", analisa.

Aos poucos, os campeonatos pelo Brasil vão retornando com suas partidas, no entanto, muitos consideraram a volta dos jogos em um momento ainda delicado, desnecessária. Apesar de Renan entender que o momento não é oportuno, o atleta também ressalta a importância do trabalho para os jogadores e funcionários dos clubes.

"Eu no começo achei a volta inoportuna porque a gente até hoje não tem o controle da quantidade de óbitos por dia, a quantidade de pessoas contaminadas pelo Covid por dia, então eu acho um assunto bastante complicado de se tratar, mas na minha opinião, os clubes forçaram um pouco a barra para voltar, até porque precisam de renda, precisam ter o seu retorno financeiro, seja das federações estaduais, seja da própria CBF para poder cumprir com o salário dos jogadores, dos funcionários que trabalham em seus respectivos clubes. Então hoje enxergando desse jeito as coisas, acho que a volta é importante sim para nós jogadores e funcionários, que tem que continuar recebendo em dia porque a realidade de muitos clubes brasileiros nesta pandemia é de não estar conseguindo pagar salários e tudo mais", ressaltou.

Apesar disso, no Confiança, o atleta destaca que todos estão seguindo os protocolos recomendados à risca, para evitar uma possível contaminação entre os próprios jogadores e funcionários.

"A gente está seguindo o protocolo à risca, todos os jogadores se apresentam de máscara, a gente fica dentro de casa e quando sai de casa é para ir para o treino, a gente está aqui seguindo todo o protocolo que foi feito para gente seguir e a gente sabe que isso é muito importante porque um jogador contaminado, até o clube descobrir que ele está contaminado, ele já pode ter tido outros contatos com os jogadores e assim acaba perdendo uma quantidade alta de jogadores e podendo até mesmo ficar sem a quantidade de jogadores para ir para jogo, então todo estão seguindo o protocolo como deve ser seguido e bola para frente", contou.


5 itens do seu time do coração que você não pode ficar sem

1- Camisa Adidas São Paulo 2018 - https://amzn.to/31uv12K

2- Livro Maquete 3D Estádio Vila Belmiro - https://amzn.to/2IZ3AaY

3- Mochila Corinthians - https://amzn.to/2psy3ax

4- Caneca com Abridor,  Flamengo - https://amzn.to/31uUJnQ

5- Fone de Ouvido Cruzeiro - https://amzn.to/33GhR4d

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, o SportBuzz pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!