Sportbuzz
Outros Esportes / CANCELADA!

Com estado de emergência na Polinésia Francesa, WSL cancela etapa do Taiti no Campeonato Mundial de Surfe; Saiba mais!

Gabriel Medina não disputaria a etapa do Taiti por não ter tomado a vacina contra o novo coronavírus

Redação Publicado em 12/08/2021, às 13h48

WSL cancela etapa de Teahupoo, no Taiti - Getty Images
WSL cancela etapa de Teahupoo, no Taiti - Getty Images

Na tarde desta quinta-feira, 12, a WSL (World Surf League) anunciou o cancelamento da etapa de Teahupoo, no Taiti. A etapa seria a última do circuito antes das finais, mas não acontecerá  nesta edição.

Em seu site oficial, a WSL oficializou o cancelamento após a Polinésia Francesa entrar em estado de emergência por conta da Covid-19. Segundo informações divulgadas pela própria liga, o Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) colocou a região na zona 4, o que impede as pessoas de viajar.

A organização informou que não haverá realocação da etapa, o que faz com que o Corona Open México, sendo disputada nesta quinta-feira, será a última antes das finais.

Na nota publicada em seu site, a WSL informou que, na noite da última quarta-feira, 11, os atletas foram alertados da possibilidade de cancelamento e também esclareceu que tem feito tudo pela segurança. Confira!

"Os surfistas foram notificados ontem à noite de que havia uma possibilidade crescente de cancelamento após a conferência de imprensa do Alto Comissário e do Presidente, onde os novos protocolos foram anunciados, incluindo a suspensão de todos os eventos esportivos no Taiti. Antes do início da competição hoje, os surfistas foram informados do cancelamento do evento.

A WSL continuará a trabalhar com nossos atletas e parceiros para completar com segurança o restante das temporadas do Tour do Campeonato e da Série Challenger e nos adaptaremos conforme necessário no futuro.

A WSL agradece o apoio contínuo de nossos surfistas, equipe, parceiros, fãs e as comunidades que visitamos ao redor do mundo."

Liderando o campeonato com muitos pontos à frente de Ítalo Ferreira, segundo colocado, Gabriel Medina já não iria para o Taiti porque não tomou a vacina, que é obrigatória caso o atleta queira voltar a competir em um intervalo menor de 10 dias.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por WSL Brasil (@wslbrasil)


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!