Sportbuzz
Outros Esportes / FÓRMULA 1

Mercedes comemora desempenho de Hamilton e Russell, mas mantém cautela

Com dois pódios em três etapas, Mercedes ocupa o segundo lugar nos mundiais de pilotos e de construtores da atual temporada de Fórmula 1; Toto Wolff mantém ‘pés no chão’

Redação Publicado em 11/04/2022, às 09h19

Mercedes comemora desempenho de Hamilton e Russell, mas mantém cautela - GettyImages
Mercedes comemora desempenho de Hamilton e Russell, mas mantém cautela - GettyImages

Com início de temporada abaixo do esperado, a Mercedes ocupa a vice-liderança dos mundiais de construtores e de pilotos da Fórmula 1. Nas três primeiras etapas do campeonato, a equipe conquistou dois pódios, sendo um deles o terceiro lugar de George Russell neste domingo, 10, no Grande Prêmio da Austrália.

Ao término da etapa no circuito de Albert Park, em Melbourne, Totto Wolff mostrou esperança para a sequência do campeonato da Mercedes. Em entrevista coletiva, o chefão da equipe alemã afirmou que as Flechas de Prata saíram de Albert Park melhores do que chegaram. Lewis Hamilton, que faturou a terceira colocação na estreia (GP do Bahrein), ficou em quarto na Austrália.

Canal - SportBuzz: 

Wolff destacou o bom desempenho de seus pilotos e falou em aprendizado com as primeiras etapas da temporada. “Mais lições aprendidas, mais dados para analisar e mais pontos na conta. Claramente ainda não temos ritmo para desafiar Ferrari e Red Bull, mas sabemos onde precisamos buscar desempenho. Um fator que me deixa muito otimista para o futuro é a mentalidade e a força da equipe”, disse Toto.

“Todos no Reino Unido, em Stuttgart e na equipe itinerante estão reunindo cada grama de esforço que temos para enfrentar as lacunas de performance com determinação e muita fome. Ver Lewis e George atuando em um nível excepcionalmente alto, com um carro que claramente não está no ritmo dos líderes, é outro exemplo do espírito dessa equipe”, completou.

Toto Wolff fala da temporada da Mercedes
Toto Wolff fala da temporada da Mercedes (Crédito: GettyImages)

 

A próxima etapa da Fórmula 1 será disputada em duas semanas, entre 22 e 24 de abril, com o Grande Prêmio da Emília-Romanha, em Ímola. A expectativa é de que a Mercedes consiga fazer alguns ajustes para melhorar o desempenho do W13 e estar na disputa contra Ferrari e RBR. No entanto, Wolff preferiu manter os ‘pés no chão’.

“Estamos otimistas, mas realistas quanto ao cronograma de melhorias e à vantagem que nossos concorrentes têm, mas o terceiro e o quarto lugar nos ajudam a deixar a Austrália com um bom sentimento”, disse o chefão da Mercedes. “Os dois pilotos mereciam o pódio hoje. Lewis não teve sorte com o timing do safety-car, mas a parceria entre os dois e como eles trabalham um com o outro resume o espírito geral da equipe”, completou.

RBR alfineta Mercedes

O Grande Prêmio da Austrália ficou marcado também pela desistência de Max Verstappen, da RBR, que não conseguiu finalizar a prova por problemas no carro. O piloto holandês era o segundo, atrás de Charles Leclerc, mas saiu de Albert Park sem pontuar. Foi o segundo abandono do atual campeão em três etapas.

Apesar do desempenho inesperado, Christian Horner, chefe da RBR, não deixou de alfinetar a Mercedes. O mandatário foi questionado sobre a confiabilidade do RB18 e lamentou o resultado, mas não deixou de citar a principal rival da última temporada. Ele disse que prefere “consertar um carro rápido do que ter um lento confiável”.


 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!