Sportbuzz
Olimpíadas / OLIMPÍADAS - VÔLEI DE PRAIA

Alison avalia eliminação nas Olimpíadas e faz forte cobrança: "Tem que melhorar"

Nas Olimpíadas, Alison e Álvaro Filho foram eliminados nas quartas do Vôlei de Praia

Redação Publicado em 04/08/2021, às 00h07

Nas Olimpíadas, Alison e Álvaro Filho foram eliminados - GettyImages
Nas Olimpíadas, Alison e Álvaro Filho foram eliminados - GettyImages

Nas quartas de final do Vôlei de Praia, Alison e Álvaro Filho se despediram as Olimpíadas após serem derrotados pela dupla Plavins e Tocs, da Letônia. Pela primeira vez na história, o Brasil ficou sem representantes na modalidade antes do término do torneio.

Logo após a derrota, Alison concedeu entrevista ao Grupo Globo e avaliou a atuação da dupla do Brasil. Para ele, os erros cometidos nos ataques foram o fator preponderante para a eliminação dos brasileiros nas Olimpíadas.

 

No primeiro set a gente estava igual, sempre na frente, tivemos a oportunidade de fazer 12/9 e a gente acabou errando. Concentração pura. Tá calor para os dois lados. Eu não estava conseguindo me concentrar para a bola, tava entrando antes, tanto é que errei muito ataque. É jogo de detalhes. Comentei no banco, quando a gente pedia tempo, que eles não erraram nenhum saque e só estavam deixando para a gente errar”, disse Alison

Tentamos arrumar uma estratégia, mas o sistema defensivo não funcionou. Até times experientes como o nosso às vezes são surpreendidos. Fizemos o nosso melhor, mas não foi um bom dia”, completou.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por SportBuzz (@sportbuzzbr)

 

COBRANÇA!

Além da análise da partida, Alison também cobrou maior investimento no Vôlei de Praia. Segundo ele, a confederação precisa se esforçar mais para evitar outros resultados ruins no futuro das competições.

Às vezes as pessoas em casa vão ver dois times da LAT (Lituânia) na semifinal, feminino e masculino, vão achar que é surpresa ou coisa de outro mundo, mas não é. A verdade é que o mundo está investindo no vôlei de praia e nós estamos ficando parados. Isso não é um desabafo. Tem que melhorar, tem que investir mais; a confederação tem que investir mais e olhar com bons olhos”, desabafou.

Realmente, esperar Ricardo e Emmanuel e agora Alison e Álvaro, vai ficar para trás. Parabéns ao mundo que está investindo nisso. O que nós temos que fazer agora é voltar para casa e para nossa família; nossa jornada não apaga nada e nem o que esse menino (Álvaro) fez por mim”, concluiu.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!