Sportbuzz
Testeira
Futebol / ABRIU O CORAÇÃO!

Victor Ferraz surpreende e desabafa sobre saída do Grêmio; confira!

Além disso, Victor Ferraz também abriu o jogo sobre os momentos vividos ao lado do treinador Jorge Sampaoli no Santos; lateral não poupou palavras!

Redação Publicado em 18/01/2022, às 21h10

Victor Ferraz teve poucos minutos no Grêmio - Lucas Uebel / Grêmio FBPA / Flickr
Victor Ferraz teve poucos minutos no Grêmio - Lucas Uebel / Grêmio FBPA / Flickr

Nesta terça-feira, 18, o lateral Victor Ferraz (34) decidiu abrir o coração após deixar o Grêmio na última temporada. Contratado com grande expectativa, o jogador não conseguiu encontrar seu espaço no time titular e viu sua passagem no clube gaúcho se tornar um pesadelo a partir do ano de 2021.

Por não ter chances na equipe titular, Victor Ferraz foi afastado do elenco principal e sequer foi informado sobre os motivos para tal decisão. Em entrevista ao site “GE”, o lateral-direito revelou que até hoje não sabe quais foram as razões para que a diretoria do Imortal tomasse a medida de tirá-lo do grupo de atletas.

 

CANAL - SPORTBUZZ:

Eu, sinceramente, não sei. Teve um momento em que fui afastado. Eu sou um cara que não fica em cima do muro nas minhas respostas. Falo o que tem de ser falado, a realidade. Mas eu realmente não sei. Se me perguntar por que eu fui afastado do Grêmio, eu não sei. Se me perguntar quem foi que me afastou, eu não sei. Eu também procurava saber, mas não sabia”, contou Victor Ferraz.

Depois de deixar o Grêmio por meio de um acordo com a diretoria, o lateral-direito segue a procura de uma nova equipe para a temporada. Até o momento, o ex-jogador do Santos foi apenas sondado por alguns times e aguarda o desenrolar das negociações para definir o futuro da carreira neste ano.

Victor Ferraz em ação
Victor Ferraz foi capitão do Santos na 'Era Sampaoli' (Crédito: GettyImages)

 

VICTOR FERRAZ E O SANTOS!

Já em outro momento da entrevista, Victor Ferraz relembrou sua passagem pelo Santos e também detalhou os principais momentos vividos ao lado do treinador Jorge Sampaoli (61). Bastante sincero, o lateral-direito reconheceu que o argentino não é fácil de lidar, mas fez questão de elogiar o talento do profissional.

Esse cara [Sampaoli] me chamava 23h no CT. A gente chegava de viagem, ele me chamava para falar de tática. Chegava de viagem 23h30, ele me chamava lá na frente do ônibus para falar o que tinha de fazer. No meio da serra, ônibus balançando de um lado para o outro (risos). A vontade de vencer era muito grande. Tinha algumas coisas difíceis, como todo mundo tem, mas eu procurava relevar”, detalhou Victor Ferraz.

Virei muito fã do cara. Eu compreendia esse jeito dele. Não era fácil. Discuti com ele várias vezes na frente de jogadores, eu e ele sozinhos. Várias vezes. Mas era um cara que o que ele ensinou para a gente, o que tinha de vontade de vencer. Obviamente tinha um jeito polêmico, fazia coisas desnecessárias. Mas eu gostava muito do cara”, completou.

 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!