Sportbuzz
Testeira
Futebol / ABSURDO!

Treinador dá cabeçada em auxiliar mulher e é demitido no Capixaba

Técnico Rafael Soriano, da Desportiva, ficou insatisfeito com a atuação da arbitragem, e no momento em que foi reclamar se descontrolou e agrediu a auxiliar

Redação Publicado em 10/04/2022, às 19h56

Treinador dá cabeçada em auxiliar mulher no Capixaba - Transmissão/TVE
Treinador dá cabeçada em auxiliar mulher no Capixaba - Transmissão/TVE

Neste domingo, 10, o treinador Rafael Soriano, da Desportiva Ferroviária foi demitido depois de agredir a assistente de arbitragem Marcielly Netto no intervalo da partida contra o Nova Venécia, válida pelo Campeonato Capixaba. Foi através das redes sociais que o clube se pronunciou sobre desligamento do técnico por meio de nota divulgada.

O caso lamentável aconteceu depois de o árbitro Arthur Gomes Rabelo decretar o fim do primeiro tempo antes de a Desportiva Ferroviária cobrar um escanteio. Irritado com a atitude do juiz, Rafael Soriano foi tirar satisfações com a arbitragem e acabou dando uma cabeçada na bandeirinha, que imediatamente levou as mãos ao rosto.

Canal - SportBuzz

Imediatamente depois de encostar na auxiliar, o treinador foi expulso pela agressão à assistente e ainda desafiou Marcielly a ir à delegacia registrar Boletim de Ocorrência. "Informamos que, diante do ocorrido, o treinador Rafael Soriano foi desligado do clube", anunciou o clube em parte da nota que foi divulgada no "Instagram".

"A Desportiva Ferroviária vem a público informar que repudia toda e qualquer tipo de violência, seja física, verbal, moral ou emocional, principalmente contra mulheres, e nos solidarizamos com a assistente de arbitragem Marcielly Netto, nos colocando à disposição para aquilo que for necessário", informou a Desportiva Ferroviária na publicação.

Treinador dá cabeçada em auxiliar no Campeonato Capixaba
Treinador dá cabeçada em auxiliar no Campeonato Capixaba (Crédito: Transmissão/TVE)

 

Em nota enviada ao portal "UOL", a Federação de Futebol do Estado do Espírito Santo (FES) se manifestou dizendo repudiar o episódio e informou que "dará todo o suporte necessário à árbitra assistente". Segundo a entidade, a súmula da partida será encaminhada para o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD-ES). 

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por 🚂 Desportiva Ferroviária (@desportivaoficial)

 

Através das redes sociais, o América-MG também comentou sobre o caso e disse repudiar qualquer tipo de agressão. "Repudiamos veementemente a atitude menosprezada do técnico da Desportiva Ferroviária-ES, que agrediu a auxiliar de arbitragem em partida pelo Campeonato Capixaba. Os órgãos de Justiça esperamos tomem como as providências. Atitudes covardes como esta jamais serão aceitas", escreveu o clube.


 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!