Sportbuzz
Busca
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify SportbuzzTiktok Sportbuzz
Futebol / COPA DO MUNDO!

Scaloni vai às lágrimas ao elogiar elenco da Argentina; assista!

Em entrevista aos jornais argentinos, Lionel Scaloni se emocionou bastante ao falar sobre a entrega dos jogadores durante a campanha da seleção

Redação Publicado em 17/12/2022, às 11h43

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Scaloni se emocionou bastante com o elenco da Argentina - GettyImages
Scaloni se emocionou bastante com o elenco da Argentina - GettyImages

Na véspera da grande final da Copa do Mundo, o técnico Lionel Scaloni foi às lágrimas. Durante conversa com diversos jornais argentinos, o comandante não se segurou e chorou ao falar sobre o elenco. Segundo ele, os jogadores da Argentina deram tudo o que era possível na campanha e precisam apenas coroar isso com o título do torneio mundial.

"Ontem (sexta-feira) estivemos conversando, tenho de agradecê-los, não há outra palavra, qualquer argentino faria o mesmo, e isso me emociona. Eles deram tudo, sinceramente. Amanhã, é coroar. Se não for assim, que tenham orgulho, é um momento para desfrutar, eu estou desfrutando da nossa maneira, mas estou desfrutando", disse Scaloni.

Argentina x França vai marcar a final da Copa do Mundo neste domingo, 18, às 12h (horário de Brasília), e a partida será realizada no Lusail Stadium. Com a partida tão próxima, Lionel Scaloni concedeu entrevista coletiva e abriu o jogo sobre a escalação que irá utilizar para a decisão. Vale destacar que existia uma dúvida em torno do esquema tático.

Durante o mata-mata da Copa do Mundo, nos confrontos diante de Austrália e Croácia, ele optou por uma linha com quatro jogadores. No entanto, diante da Holanda, no jogo mais difícil para o time argentino na competição, Scaloni colocou uma linha de cinco em campo, e a tática funcionou e culminou na classificação para as semifinais.

Scaloni dando coletiva
Scaloni também deu entrevista coletiva na véspera da final (Crédito: GettyImages)

"Decidi, agora temos o último treino. De qualquer forma, eles vão saber. Antes mesmo de eu dar a eles (França), mas pode ser qualquer uma das duas opções. Nossa forma de jogar vai além do sistema. A forma como vamos jogar amanhã será a forma como pensamos que podemos causar mais estragos ao nosso adversário. Agora às cinco temos uma conversa, às seis treinamos e às sete definimos", finalizou. 

Com a linha de quatro, por exemplo, a escalação utilizada pelo treinador argentino foi a seguinte: Dibu Martínez; Molina, Romero, Otamendi, Tagliafico; De Paul, Enzo Fernández, Paredes, Mac Allister; Messi e Julián Álvarez. Caso ele não utilize essa formação, um possível time com uma linha de cinco pode ter os seguintes jogadores: Martínez; Otamendi, Romero e Lisandro; Molina, Enzo Fernández, De Paul, MacAllister e Acuña; Messi e Álvarez.


Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!