Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Testeira
Futebol » RESENHA!

Renato Gaúcho relembra derrota do Grêmio para o Real Madrid e revela história curiosa com Zidane: "Kannemann ri até hoje"

Em 2017, o Tricolor decidiu a final do Mundial de Clubes e acabou saindo derrotado para os merengues

Redação Publicado em 06/01/2021, às 13h17 - Atualizado às 14h14

Renato Gaúcho em ação pelo Grêmio
Renato Gaúcho em ação pelo Grêmio - GettyImages

A última vez em que o Grêmioesteve no Mundial de Clubes da Fifa não foi tão agradável. Apesar de ter batido de frente contra o Real Madrid, a equipe de Renato Gaúcho acabou saindo derrotada, após uma falha na barreira tricolor. 

Mesmo com a derrota para os merengues e a perda do título, o confronto diante dos madrilenhos ainda gera muita conversa nos bastidores gremistas. Em entrevista ao canal de Youtube de Duda Garbi, Portaluppi contou uma história curiosa que presenciou naquele jogo. 

"Eu conto uma história, que o Kannemann ri até hoje. O jogo estava parelho. Tomamos um gol, falha nossa na barreira. Eu olhava para o lado, quando estava 0 a 0, brinco com os jogadores até hoje, aí olhava para o Zidane e ele coçava a cabeça, olhava para o jogo, olhava para o banco", disse.

Ele ainda seguiu: "Se ele estivesse no meu lugar, ele olha para dentro do campo, pega um revólver e dá um tiro na cabeça (risos). Ele está preocupado, coçando a cabeça, com uma seleção jogando, outra no banco, eu todo desfalcado (risos). Se a gente vai com o time completo, dava para fazer frente. O Real era melhor time, disparado. Mas nosso time estava muito bem". 

Toda a brincadeira de Renato Gaúcho em relação aos reservas do Real Madrid e a dúvida de Zidane, se deve, pois na oportunidade ele estava desfalcado de muito atletas. Em fala, durante a entrevista para Duda Garbi, o comandante tricolor deu detalhes da falta de jogadores para a final daquele Mundial de 2017. 

"Não dava para fazer muita coisa. Nós enfrentamos o melhor time do mundo, na época, o Real Madrid. O problema não era só o Real Madrid, eram todos os desfalques nossos. Era difícil já com o time completo, fomos com vários desfalques. O Maicon e o Arthur não jogaram, Cícero e o Jean não puderam ser inscritos", afirmou.

Portaluppi ainda questionou a falta desses atletas e comparou com a qualidade do time merengue: "Nosso time perto do deles já tinha uma diferença grande. E, mesmo assim, sem cinco, seis jogadores importantíssimos, como vai fazer frente?".


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!