Sportbuzz
Testeira
Futebol / MUNDIAL DE CLUBES!

Palmeiras 'exorciza' fantasma do Mundial e vence Al Ahly

O Palmeiras não teve dificuldades para vencer o Al Ahly e avançou para a final do Mundial de Clubes; Verdão irá voltar a campo no próximo dia 12

Redação Publicado em 08/02/2022, às 15h25

Raphael Veiga e Dudu foram decisivos para a vitória do Palmeiras contra o Al Ahly no Mundial - Fabio Menotti / Palmeiras
Raphael Veiga e Dudu foram decisivos para a vitória do Palmeiras contra o Al Ahly no Mundial - Fabio Menotti / Palmeiras

O fantasma da semifinal passou. O Palmeiras está na final do Mundial de Clubes, após vencer o Al Ahly nesta terça-feira, 8, e ter uma atuação dominante diante dos rivais africanos. Com uma grande atuação coletiva e o placar de 2 a 0, o Palestra não deu espaços para os adversários egípcios e saiu classificado para a decisão, que ocorrerá no próximo sábado, 12, às 13h30. 

Com gols de Raphael Veiga e Dudu, o Palmeiras praticamente não cedeu espaços para o Al Ahly. A equipe do Egito buscou a todo momento o contra-ataque e deu a bola de presente ao time de Abel Ferreira. O Verdão não deu espaços na saída de bola, sufocou os rivais e teve paciência para acertar as jogadas no campo de ataque. 

 

CANAL - SPORTBUZZ

COMO FOI O PRIMEIRO TEMPO? 

A primeira etapa entre Palmeiras e Al Ahly foi de um começo tenso para as duas equipes, mas de um Palestra ligado à todo instante. O Verdão assumiu o protagonismo do jogo, não deixou os egípcios criarem qualquer tipo de dificuldade e seguiu atento em todos os lances. Com paciência e intensidade, o elenco de Abel Ferreira chegou ao seu primeiro gol na partida. 

Os dois times não chegaram a arriscar chutes no gol. Por mais que o Palmeiras tivesse a posse de bola, as finalizações não chegaram a preocupar o Al Ahly. Os Vermelhos, por sinal, também não ameaçaram nos contra-ataques e o confronto foi se desenhando para o gol do Verdão aos 40 minutos. 

Depois de uma grande jogada coletiva, Dudu achou um grande passe para Raphael Veiga. O meia atacante invadiu a área sozinho e bateu na saída do goleiro. O jogador encheu o pé e chutou rasteiro para sair comemorando. 1 a 0 e Palmeiras em vantagem para o segundo tempo, que foi de muita tensão e alívio. 

Raphael Veiga em ação
Raphael Veiga saiu para comemorar o primeiro gol do Palmeiras diante do Al Ahly no Mundial de Clubes (Crédito: Fabio Menotti / Palmeiras)

E O SEGUNDO TEMPO? 

A segunda etapa não poderia começar melhor para o Palmeiras. Com um Al Ahly nervoso, o Verdão soube aproveitar os espaços deixados pelos rivais e conseguiu fazer o seu segundo gol no jogo logo aos quatro minutos. Depois do 2 a 0, os Vermelhos se viram obrigados a sair para o ataque e não conseguiram oferecer tanto perigo para a meta de Weverton. 

O segundo gol do Palmeiras saiu dos pés de Dudu. Em outra boa jogada coletiva, o camisa 7 invadiu pela direita e recebeu ótimo passe de Rony. O atacante entrou na área sozinho e encheu o pé para fazer 2 a 0 e praticamente colocar o Verdão na final do Mundial. Depois disso, Abel Ferreira fechou o time e gerou dificuldades para o Al Ahly criar jogadas.

O Al Ahly até chegou a assustar o Palmeiras com um gol de Sherif. Na oportunidade, Weverton deu um rebote falho e o camisa 10 da equipe africana apareceu para complementar para o fundo das redes. Porém, o VAR entrou no jogo e assinalou um impedimento na jogada que poderia mudar o rumo da classificação do Verdão. 

Depois desse lance, o Palmeiras se viu obrigado a não ceder de jeito nenhum para o Al Ahly. Os africanos começaram a ficar irritados, deram fortes entradas e Abel Ferreira optou por tirar os seus principais jogadores do jogo. Sendo assim, o Verdão passou pelos rivais e avançou para a final do Mundial de Clubes. 


 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!