Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Testeira
Futebol » AJUSTES

Flamengo pretende vender jogadores da base para manter elenco atual, diz site

Medida é mais uma etapa para amenizar os efeitos financeiros provocados pela pandemia de coronavírus

Izabella Macedo Publicado em 13/05/2020, às 17h45

Flamengo pretende vender jogadores da base para manter elenco atual, diz site
Flamengo pretende vender jogadores da base para manter elenco atual, diz site - Alexandre Vidal/Flamengo

Ainda pensando em como sair da pandemia de coronavírus sem tantos estragos na parte financeira, o Flamengo já começa a calcular os prejuízos e iniciar os próximos planejamentos. Apesar desse momento de incertezas, uma coisa é unanimidade: a diretoria quer manter o elenco atual.

De acordo com o site Goal.com, a ideia é segurar os principais jogadores e os importantes reforços que chegaram em janeiro deste ano e para isso, os garotos da base devem ser colocados à venda.

A publicação afirma que existe o entendimento por parte dos dirigentes que a base precisa ser "sacrificada" neste momento e que daqui para frente, os valores de mercado vão sofrer algumas alterações drásticas.

Os cálculos que eram feitos antes da pandemia para negociar um atleta da base serão bem menores, o que causará um efeito quase que de "liquidação".

O planejamento envolve os jovens promissores que terão poucas oportunidades no elenco profissional nos próximos dois anos, como Lincoln e Matheusinho. Segundo fontes ligadas a diretoria, se chegar uma proposta abaixo da multa e com valores razoáveis, os atletas serão negociados. 

Além do desejo da diretoria, manter o elenco atual também é um pedido do treinador Jorge Jesus e um sonho de Rodolfo Landim, que quer conquistar mais títulos até o final de seu primeiro mandato como presidente do clube. 

Temendo que a crise financeira causada pela pandemia tenha maiores efeitos, o clube espera que pelo menos até o início de junho as atividades possam ser retomadas.

O Flamengo está buscando alternativas e elaborando protocolos de segurança para tornar viável um retorno sem grandes danos a saúde de todos os envolvidos. No entanto, as autoridades pedem paciência e avaliam ser prudente uma volta nas próximas semanas. 

Dentro do clube, 38 casos de coronavírus foram diagnosticados no começo do mês de maio, sendo que três deles apontavam para jogadores do elenco profissional. O retorno das atividades, vai depender, também da decisão do governo do Rio de Janeiro em decretar ou não o lockdown.
 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!