Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Futebol » COMPLICOU!

Fernando Prass abre o jogo sobre sua saída do Palmeiras e revela decepção com Alexandre Mattos

Jogador de 41 anos de idade atuou durante sete temporadas pelo Verdão

Lucas Miluzzi Publicado em 16/04/2020, às 17h22 - Atualizado às 18h20

Fernando Prass em ação com a camisa do Palmeiras
Fernando Prass em ação com a camisa do Palmeiras - GettyImages

Em entrevista aos canais Fox Sports, Fernando Prass abriu o jogo sobre sua saída do Palmeiras no início desta temporada. O jogador esperava um pouco mais de clareza e sinceridade por parte do clube e criticou a postura de Alexandre Mattos, que era diretor de futebol da equipe na época.

Atualmente atuando pelo Ceará, o arqueiro revelou como foi a conversa que teve com o ex-dirigente do Verdão. Segundo Prass, Mattos poderia ter "aberto o jogo" com o atleta e não escondido alguns aspectos em relação a sua saída.

"Pontuei bem as situações para ele (Mattos). Que eu saí do clube, isso é normal, não tenho mágoa nenhuma de ter saído do Palmeiras, isso faz parte da avaliação da comissão técnica e diretoria. Só que teve a situação do contrato de gaveta, que eu coloquei para ele, não achei legal a maneira que isso foi tratado. Ele tem todo direito de dar para o jogador que ele quiser, por não sei quantos anos, só que ele teve a oportunidade de ser franco comigo, me posicionar sobre isso, e não o fez. Fui na sala dele, ele me chamou, e falou: tenho que resolver a sua situação e a do Jaílson, porque os dois acabam o contrato no fim do ano, e por mim ficam os dois. Na entrevista, ele disse que mesmo ele ficando, ele sairia. Essas coisas que não pegam bem. Eu não achei legal a maneira como foi feito, poderia ter jogado aberto comigo. Poderia ter renovado por 10 anos, o Jaílson merece", disse.

Vale lembrar que antes dessa declaração, Alexandre Mattos, também concedeu entrevista aos canais Fox Sports, na última quarta-feira, 15. O dirigente chegou a afirmar que o goleiro tinha um dos maiores salários do clube, mas Fernando Prass se defendeu e fez questão de desmentir isso. 

"Uma das coisas que eu abordei com ele foi isso. Foi uma declaração infeliz. Disse que eu era terceiro goleiro. O número de jogos que joguei dá para dar noção. Ele falou do meu salário, fica ruim falar de falar de valores. Cheguei em 2013, numa crise financeira, e o meu último salário foi inferior ao meu de 2013, ele na verdade foi reduzido. Não tem como ser um dos maiores salários do Palmeiras hoje", concluiu.


5 itens que os palmeirenses não podem deixar de ter

1- Bíblia do Palmeirense - https://amzn.to/2MzBC84

2- Caneca Trigger Palmeiras - https://amzn.to/31ylx6D

3- Luminária LED Palmeiras - https://amzn.to/2W1PZFc

4- Almofada de Pipoca - https://amzn.to/2J9irzz

5- Chaveiro Palmeiras - https://amzn.to/2P6JYFD

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, o SportBuzz pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!