Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Futebol » TRÁGICO!

Estrela da Seleção Argentina é atingida por bala de borracha durante enterro do irmão

Jovem jogadora do San Lorenzo desabafou sobre o acontecimento nas redes sociais

SportBuzz Digital Publicado em 01/10/2019, às 09h44

Rocio Correa
Rocio Correa - Reprodução/Instagram

A última semana ficou marcada negativamente na vida de Rocio Correa. A jovem de 19 anos, grande estrela do futebol feminino da Argentina, teve que lidar com a perda de seu irmão, que faleceu após um grave acidente de trânsito.

Porém, tudo veio a piorar durante o enterro do jovem, quando a família se viu no meio de uma ação policial enquanto davam o último adeus ao ente querido. No decorrer da procissão fúnebre, alguns profissionais da segurança precisaram agir para controlar uma situação atípica, próxima ao local que a família estava.

Além da jogadora, que atua pelo San Lorenzo, outros familiares foram atingidos por balas de borracha no local. Por meio de seu perfil oficial nas redes sociais, além de lamentar a sequência de ocorridos negativos, ela mostrou o resultado da ação policial e deixou os fãs assustadíssimos.

"Começamos a correr e os policiais nos seguiram e dispararam. Pelo menos 15 pessoas ficaram feridas. Um dos meus tios foi baleado 25 vezes. Não tínhamos intenção de causar nada, só queríamos ir ao cemitério para deixar o meu irmão", afirmou a jogadora à imprensa argentina.

Classificando a data como o dia mais difícil de sua vida, Rocio ainda voltou para Buenos Aires, onde atuou pelo Campeonato Argentino Feminino, durante a partida contra o Gimnasia, a qual o San Lorenzo venceu por 4x0.

Confira o pronunciamento completo feito por Correa:

"O que passou na quarta-feira foi um dos dias mais difíceis da minha vida, me avisaram que meu irmão tinha morrido. Eu não podia acreditar. Vou continuar fazendo o meu caminho e lutando pelos meus sonhos, agora ele vai me ajudar lá de cima. Durante o cortejo fúnebre que acontecia no cemitério, aconteceu o que se tornou público, onde eu e minha família terminamos feridos com balas de borracha; Tomei a decisão de vir a jogar com o meu clube, o San Lorenzo de Almagro, em um dia histórico para todo o time, jogando nossa primeira partida no Estádio Pedro Bidegain como profissionais.
Foi um acúmulo de sentimentos encontrados, onde pude viver algo tão lindo no futebol e, ao mesmo tempo, a dor que eu levava e levo em minha alma por pela perda do meu irmão. Quero com estas palavras agradecer, primeiro, as minhas companheiras, a todas as pessoas que escreveram ou me chamou se preocupando como eu estava.
Também um agradecimento a todas as pessoas de San Lorenzo de ALmagro, que estão sempre ao meu lado e ainda mais nesses momentos difíceis que estou vivendo. E também agradecer a todos que tenho em volta de mim, meus amigos, minha família, meu grupo de trabalho que sempre me apoia e acompanha, a todos que se preocuparam comigo e porque estou no melhor caminho possível para superar a imensa dor que tenho
Agradecer a imprensa pelo tato em tratar a situação e pedir-lhes um pouco de espaço para curar e transitar com a dor que tenho. Seguirei fazendo o meu caminho e lutando pelos meus sonhos, agora com ele me ajudando lá de cima".

Rocio Correa (Crédito: Reprodução/Instagram)

 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!