Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify Sportbuzz
Futebol / POLÊMICA

CBF admite “erros absurdos” de arbitragem na temporada

Dirigente da Comissão de Arbitragem na CBF reconheceu a validade das críticas a falhas, incluindo as do VAR; órgão prometeu pacote de medidas preventivas

Redação Publicado em 26/07/2022, às 15h27

CBF assume erros de arbitragem - Getty Images
CBF assume erros de arbitragem - Getty Images

Wilson Seneme, presidente da Comissão de Arbitragem da CBF, assumiu as falhas ocorridas na arbitragem da temporada em jogos nacionais. O posicionamento foi estabelecido nesta terça-feira, 26, em uma apresentação do órgão direcionada a presidentes de clubes da primeira e da segunda divisão brasileira. O dirigente da instituição, Ednaldo Rodrigues, endossou as declarações.

“Eu, como presidente da comissão de arbitragem, assumo isso e lembro aos árbitros em toda a reunião que estamos no momento de divisão de águas, para prestar o melhor serviço a vocês”, pontuou Seneme. Wilson, que também chefiou a comissão de arbitragem da Conmebol, destacou que os equívocos serviram para marcar uma nova fase na CBF.

CANAL - SPORTBUZZ:

“Ocorreram erros absurdos, sim. Muitos ocorrem. Inclusive, são inaceitáveis para vocês, para nós e para o futebol. Na Conmebol, esse período serviu como um divisor de águas. Essa reunião nossa aqui eu espero e tenho como objetivo que seja um divisor de águas também para a arbitragem brasileira”, continuou Seneme.

O dirigente ainda completou: “Os equívocos que ocorreram no primeiro turno, uns são de interpretação, que, com os árbitros afastados ou não, podem ocorrer. Outros são inaceitáveis e têm que servir como divisor de águas”. A CBF destacou que vai planejar um pacote de medidas que podem evitar as falhas em campo, como estipular o prazo de 24 horas para a divulgação de vídeos de partidas da Série A; na Série B, o tempo será de 48 horas.

Palmeiras x São Paulo
Palmeiras x São Paulo, partida que alvo de polêmicas relacionadas à arbitragem (Créditos: Paulo Pinto/São Paulo/Flickr)

Além disso, 95 árbitros da organização vão receber orientações e treinamento em três sedes do Rio de Janeiro, no período entre 1º e 5 de agosto. A partir de então, encontros de práticas presenciais serão realizados com os juízes mensalmente. Entre as polêmicas geradas, a mais marcante foi a do clássico Palmeiras x São Paulo, na Copa do Brasil, quando o VAR conferiu e confirmou o pênalti sobre Calleri, mas não checou um possível impedimento do camisa 9.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!