Sportbuzz
Busca
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify SportbuzzTiktok Sportbuzz
Futebol / COPA DO MUNDO!

Brasil perde para França, e Pia Sundhage dispara críticas: "Faltou..."

Logo após a partida, a técnica Pia Sundhage detonou o desempenho do Brasil no primeiro tempo e pediu mais alegria para as jogadoras

Guilherme Assumpção Publicado em 29/07/2023, às 09h03 - Atualizado às 11h01

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Pia Sundhage detonou o desempenho do Brasil no primeiro tempo - GettyImages
Pia Sundhage detonou o desempenho do Brasil no primeiro tempo - GettyImages

Na manhã deste sábado, 29, o Brasil entrou em campo e encarou a França. Na segunda rodada da fase de grupos da Copa do Mundo, a equipe canarinha precisou mostrar poder de reação. Após sair atrás do placar, a Seleção Brasileira reagiu no segundo tempo, mas voltou a vacilar e acabou sendo derrotada por 2 a 1. O resultado deixou as brasileiras em segundo no grupo F.

Logo após a partida, a técnica Pia Sundhage disparou críticas contra a atuação da equipe no primeiro tempo. Na visão dela, as meninas não conseguiram fazer conexões em campo durante um momento que era crucial para o jogo. Além disso, ela reconheceu que faltou alegria para as jogadoras dentro de campo e cobrou jogo mais bonito. 

"Eu não havia inicialmente preparado tão bem as nossas jogadoras para as conexões em campo. Tudo parecia estar funcionando muito bem. Os primeiros 30 minutos eram um grande momento e faltou esse entrosamento na nossa equipe. É claro que erros acontecem e isso não é um problema. Mas é preciso recuperar", avaliou Pia Sundhage em entrevista à FIFA.

Já no segundo tempo, nós corremos atrás e tivemos as oportunidades. Agora, é enfrentar a Jamaica lá na frente, foco total nelas e voltar para as nossas bases. Quero um time mais feliz, com mais alegria, com jogo bonito. É algo que precisamos recuperar para o próximo jogo", concluiu Pia.
Brasil em ação contra a França
Brasil não conseguiu segurar as francesas, mas mostrou poder de reação (Crédito: GettyImages)

Falando do jogo, as francesas começaram em ritmo muito acelerado. Logo aos seis minutos, Perisset finalizou de fora da área e levou perigo. Com problemas para sair jogando, o Brasil não conseguiu se encontrar. Aos 12, Lelê brilhou e fez grande defesa na cabeçada de Le Sommer. Mas a pressão da França surtiu efeito. Aos 16, Le Sommer completou tabela e marcou. 1 a 0.

Mesmo jogando mal, o Brasil ainda teve chance de empatar logo depois. Aos 22 minutos, Geyse roubou a bola e passou para Debinha. Com categoria, a camisa nove rolou para Adriana chutar com o gol aberto. Porém, a finalização saiu por cima do gol. Com a desvantagem no marcador, as brasileiras seguraram as investidas das rivais até o intervalo.

De volta para o segundo tempo, a Seleção Brasileira voltou completamente diferente e logo buscou o empate. Aos 12 minutos, Kerolin deu belo passe para Debinha, que dominou e bateu na saída da goleira. 1 a 1. Já aos 21, Lelê precisou salvar a equipe canarinha novamente depois do chute perigoso de Geyoro. Na resposta imediata, Kerolin ficou no quase.

Com muita pressão e correria para os dois lados, a partida seguiu indefinida até o último lance. E foi aí que Renard aproveitou vacilo gigante da defesa e marcou de cabeça após escanteio no 37º minuto. 2 a 1. Fim de papo! Com o resultado, o Brasil ficou em segundo no grupo F, com três pontos. Já a França chegou aos quatro e assumiu a liderança na chave da Copa do Mundo.


Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!