Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify Sportbuzz
Futebol / VISH!

Atlético-MG: Mohamed desabafa sobre fase ruim e dá recado ao Flamengo

O Atlético-MG comandado por Antonio Mohamed não vive uma grande fase e quer tentar a recuperação diante do Flamengo; rivais se enfrentam neste domingo, 19, às 16h (Horário de Brasília)

Redação Publicado em 16/06/2022, às 12h57

Atlético-MG e Mohamed querem a virada em cima do Flamengo - Pedro Souza/Atlético Mineiro
Atlético-MG e Mohamed querem a virada em cima do Flamengo - Pedro Souza/Atlético Mineiro

O Atlético-MG e Mohamed querem a recuperação imediata contra o Flamengo. Em outro jogo abaixo da média na temporada de 2022, o Galo deixou a desejar e não conseguiu sair com a vitória em sua visita ao Ceará, na última quarta-feira, 15, na Arena Castelão. Depois que a bola parou de rolar, o técnico alvinegro deixou claro que quer uma resposta positiva no jogo do próximo domingo, 19, contra os rivais cariocas. 

Esse é um momento que temos que ganhar para que o psicológico volte ao nosso favor. É uma partida fundamental (contra o Flamengo) e, seguramente, com o apoio da torcida, vamos voltar a ter o resultado ao nosso favor", destacou em entrevista coletiva.

CANAL - SPORTBUZZ

Para conquistar pontos diante do Flamengo, Antonio Mohamed já avisou que o Atlético-MG precisa virar a chave depois do empate contra o Ceará: "Agora é descansar, recuperar a energia e voltar a ganhar em casa. Teremos uma semana com 3 jogos em casa e temos que voltar a ganhar em casa, que é onde estamos deixando pontos. Isso que temos que fazer. É melhorar em casa".

Mesmo com o empate diante do Ceará, Antonio Mohamed garantiu que o Atlético-MG vai conseguir a virada na temporada e destacou que o Galo está na briga por todos os títulos em disputa até este momento: "É uma realidade que não estamos jogando como antes, mas estamos competindo em todos os campeonatos. Estamos na Copa do Brasil, Brasileirão e Libertadores".

"Amanhã é um dia diferente de hoje. Jogadores novos, um treinador novo. Não há uma equipe no mundo que jogue igual, é a realidade da vida. Nenhum time mantém o mesmo nível tanto tempo. Também há uma mudança de jogadores. Hoje não tivemos Zaracho, Jair, Allan, Keno voltando. Há muitos lesionados que estão voltando de lesões", explicou.

E o empate com o Ceará? 

"A grama estava muito ruim, muito difícil para os dois times jogarem. Tivemos quatro oportunidades claras para ganhar o jogo, mas não conseguimos completar. Fizemos um grande esforço, a equipe teve atitude, competitividade, intensidade. Sim, faltou jogar melhor, mas chances de gol eles tiveram", explicou o treinador do Atlético-MG.

Arana em ação
Guilherme Arana em ação durante o primeiro tempo da partida entre Atlético-MG e Ceará no Brasileirão (Crédito: Pedro Souza)

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!