Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify Sportbuzz
Futebol / EITA!

Atlético-MG: dirigente cobra áudios do VAR e dispara contra arbitragem

Diretor do Atlético-MG disse estar insatisfeito com os recentes erros da arbitragem nas partidas do time, relatando uma certa estranheza nas marcações

Redação Publicado em 18/07/2022, às 07h15 - Atualizado às 11h01

Jogadores do Atlético-MG em campo conversando com o árbitro - GettyImages
Jogadores do Atlético-MG em campo conversando com o árbitro - GettyImages

O Atlético-MG não está feliz com a arbitragem de seus últimos jogos. Neste domingo, 17, por exemplo, a equipe saiu de campo mais uma vez insatisfeita com o que viu no confronto diante do Botafogo pelo Brasileirão, que terminou com a vitória dos mineiros por 1 a 0 e muitas reclamações por parte dos dirigentes do clube.

Isso porque o Atlético-MG teve um gol anulado depois que Raphael Claus foi ao VAR analisar a jogada. No lance em questão, o árbitro ignorou um pênalti que teria acontecido em cima de Ademir e deu somente o impedimento de Keno na jogada. Depois da partida, o diretor do clube, Rodrigo Caetano foi até os microfones para reclamar sobre a recorrência de erros.

Canal - SportBuzz

Em sua fala, ele fez diversas críticas à comissão de arbitragem, que hoje é presidida pelo ex-árbitro Wilson Seneme, por não ter liberado o áudio do VAR de outros jogos do clube mineiro durante a temporada. Rodrigo Caetano falou em "morosidade" do órgão, que recentemente admitiu um erro do árbitro de vídeo na partida entre Palmeiras x São Paulo, pela Copa do Brasil.

"A gente faz o rito como é exigido no regulamento. Só não dá para ser velocidade para uns, morosidade para o Galo. Tem acontecido as solicitações do Galo e de outros clubes. Desde o jogo contra o Avaí que a gente pediu o áudio (do VAR), e não tivemos nem resposta. Nos causa estranheza, nos deixa chateados por termos dois pesos e duas medidas.Segundo a comissão de arbitragem, teve erro no jogo entre São Paulo e Palmeiras. Na mesma noite, houve a divulgação do áudio do VAR e o afastamento dos árbitros do VAR", disse.

Atlético-MG x Botafogo em campo pelo Brasileirão
Atlético-MG x Botafogo em campo pelo Brasileirão (Crédito: GettyImages)

O dirigente do Galo também citou outros jogos e lances em que o time foi prejudicado, pontuando ainda a insatisfação do clube contra os árbitros e os operadores do VAR. Ele citou o jogo contra o próprio São Paulo, quando Anderson Daronco não marcou pênalti a favor do clube, e nem foi ao monitor analisar a jogada, sendo que foi acusado por Hulk de intimidação.

"Nós, até hoje... Se levantou a suspensão da questão Hulk x Daronco. É simples: só divulgar o áudio e saberíamos o que realmente aconteceu. E, por último, pedimos... Ninguém discute a validade do gol do Flamengo. Só queríamos saber o que foi falado, quem confirmou o gol, porque não foi o VAR. Está tudo certo, só queremos igualdade. Vamos lutar por essa isonomia", completou.

O caso contra o Flamengo

Vale lembrar que na semana passada, bem no dia em que perdeu para o Flamengo na Copa do Brasil, o Atlético-MG entregou para a CBF um dossiê contando lances no qual o clube acredita que foi prejudicado pela arbitragem. Antes de finalizar, o dirigente comentou a fama de "reclamão" que o clube está tendo nas redes sociais, mas rebateu.

"Se houver interpretação que o Atlético só reclama, não nos importa. Não irão nos calar por meio dessa pressão. Chance zero. Toda vez que o Atlético se sentir prejudicado, e principalmente, determinados clubes tiverem suas reclamações atendidas pela comissão de arbitragem, e nós não, iremos falar. Se de repente tivermos que passar uma semana na CBF para ser atendido, iremos mudar, não tem problema não", apontou.

Próximo compromisso

Depois de mais essa vitória, o Atlético-MG visita o Cuiabá nesta quinta-feira, 21, às 19h (horário de Brasília). Na sequência, no final de semana, mais precisamente no domingo, 24, a equipe tem um importante compromisso diante do Corinthians, mas dentro de casa e diante da sua torcida, às 18h (horário de Brasília).


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!