Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Outros Esportes » FÓRMULA 1

GP do Japão: FIA desqualifica carros da Renault após protestos da Racing Point

A Federação Internacional de Automobilismo considerou uma violação no regulamento esportivo pela utilização de um sistema de frenagem

Gabriela Santos Publicado em 23/10/2019, às 18h46

Após protestos, FIA desqualifica os carros da Renault no GP do Japão
Após protestos, FIA desqualifica os carros da Renault no GP do Japão - Getty Images

Após protestos da Racing Point sobre uma suposta irregularidade nos freios da Renault, no Grande Prêmio do Japão, a Federação Internacional de Automobilismo (FIA) decidiu desqualificar os dois carros da equipe francesa que competiram no Circuito de Suzuka, no último dia 13.

O protesto considerou uma violação dos Regulamentos Técnico e Esportivo e do Código Esportivo Internacional da FIA, relacionados a um “sistema automatizado de viés de freio pré-definido”.

A Racing Point alega que a operação do sistema de frenagem poderia ser vista pelas imagens da câmera a bordo, sendo possível identificar o balanço do freio no volante dos motoristas, que mudava sem a necessidade de uma entrada manual.

Assim, os dois pilotos da Renault, Daniel Ricciardo (8 pontos) e Nico Hulkenberg (1 ponto), perderam os pontos que conquistaram na prova. Eles terminaram o GP na 6ª e 10ª colocação, respectivamente.

“A Renault foi desqualificada dos resultados do Grande Prêmio do Japão depois de um protesto dos rivais da Racing Point . Isso significa que a equipe francesa perde os nove pontos conquistados em Suzuka”, diz o comunicado da FIA.

A Federação explica que o sistema usado pela Renault, embora inovador para “explorar certas ambiguidades”, não violou os Regulamentos Técnicos, como protestou a Racing Point.

Porém, a FIA alega que a equipe francesa violou os Regulamentos Esportivos da F1, no código 27.1, relacionados a auxílios dos motoristas, tomando a decisão de desqualificação da Renault no Grande Prêmio.

“As regras da F1 afirmam que o motorista deve dirigir o carro sozinho e sem ajuda, e os administradores descobriram que o sistema evitou que os pilotos fizessem vários ajustes durante uma volta, mesmo que não substituísse as habilidades ou reflexos do motorista”, esclareceu a Federação.

Com a desqualificação da equipe francesa no Grande Prêmio do Japão, Lance Stroll, da Racing Point, e Daniil Kvyat, da STR, que terminaram em 11º e 12º, respectivamente, entram na zona de pontuação e ficam com a 9ª e 10ª colocação.

Com a perda dos nove pontos conquistados, a Renault fica mais longe da briga pela quarta colocação, com a McLaren, no campeonato de construtores, importante em quesitos esportivos e financeiros.

Com quatro rodadas para o fim da temporada, na classificação geral, a equipe está com 68 pontos e na quinta colocação, 43 atrás da McLaren, quarta colocada. A STR e a Racing Point se aproximam da equipe francesa com 62 e 58 pontos, respectivamente.

Classificação do GP:
1 - Valtteri Bottas (Mercedes)
2 - Sebastian Vettel (Ferrari)
3 - Lewis Hamilton (Mercedes)
4 - Alexander Albon (RBR)
5 - Carlos Sainz (McLaren)
6 - Charles Leclerc (Ferrari)
7 - Pierre Gasly (STR)
8 - Sergio Perez (Racing Point)
9 - Lance Stroll (Racing Point)
10 - Daniil Kvyat (STR)
11 - Lando Norris (McLaren)
12 - Kimi Raikkonen (Alfa Romeo)
13 - Romain Grosjean (Haas)
14 - Antonio Giovinazzi (Alfa Romeo)
15 - Kevin Magnussen (Haas)
16 - George Russell (Williams)
17 - Robert Kubica (Williams)
18 - Max Verstappen (RBR)
19 - Daniel Ricciardo (Renault)
20 - Nico Hulkenberg (Renault)

Twitter

 


5 eletrônicos para esportes que prometem facilitar a sua vida

1- Relógio Inteligente Mi Band 4 Xiaomi - https://amzn.to/326G0jZ

2- Câmera Hero 7 Black à Prova D’água 12MP 4K Wifi, GoPro - https://amzn.to/2VwxKY5

3- Fone de Ouvido Xiaomi Redmi Air Dots Com Bluetooth - https://amzn.to/325xcLo

4- Aparelho Abdominal Eletrico Músculo 6 Pack Ems Estimulador - https://amzn.to/2B2Vhq8

5- Cronômetro Digital Incoterm - https://amzn.to/2nyvmUc

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, o SportBuzz pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!