Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Outros Esportes » ATLETISMO

Atletismo: Federação do Quênia nega acusação de esquema de doping em centro de treinamento

País rebateu acusação após imagem, supostamente feita em Iten, circular nas redes sociais

Gabriela Santos Publicado em 30/04/2020, às 10h00

Federação do Quênia nega acusação de esquema de doping em centro de treinamento
Federação do Quênia nega acusação de esquema de doping em centro de treinamento - Facebook

Nesta semana, uma página norueguesa sobre combate ao doping divulgou uma imagem que viralizou nas redes sociais. A foto publicada mostra uma seringa largada supostamente no chão do centro de treinamento de Iten, local que revela grandes corredores do Quênia.

Após a acusação, a Federação de Atletismo do país divulgou um comunicado oficial para negar as acusações. Na nota, o Quênia diz que a imagem publicada não apresenta evidências de que a seringa estava no centro de treinamento.

“Observamos com preocupação as imagens de seringas supostamente tiradas em Iten e que se tornaram virais nas redes sociais. As imagens postadas por um jornalista norueguês têm o objetivo de retratar o Quênia de maneira negativa e reverter os ganhos na luta contra o doping. Não toleremos o doping e trabalhemos de perto com várias equipes, mas também não toleramos relatos sem fundamentos que possam causar confusão e pânico nos círculos dos atletas. Peças de investigação de qualquer parte do mundo são bem-vindas, mas apenas quando são apoiadas por fatos. A imagem que está circulando nas redes sociais deixa muito a desejar, incluindo provas de sua localização real em Iten”, declarou a federação.

Após a imagem da seringa circular, detetives da Polícia de Iten abriram investigação para apurar a acusação. A página que publicou a foto ainda afirmou que tem como comprovar que ela foi tirada no centro de treinamento, usando a localização, data e horário do celular em que a imagem foi feita.

“A imagem que está circulando nas mídias sociais deixa muito a desejar, incluindo provas de sua localização real em Iten. Não acreditamos que o doping no Quênia tenha atingido um nível em que os atletas praticam em campo aberto. Lamentamos dizer que fotos semelhantes de seringas deixadas em caixotes de lixo foram circuladas no passado e se revelaram cenas manipuladas. Na Federação Queniana de Atletismo, não temos nada a esconder no que diz respeito ao doping e estamos abertos a discussões com quem quiser realizar investigações, no entanto, não podemos participar de caçadas às bruxas, na tentativa de alcançar nossas próprias agendas egoístas. Nós também encorajamos qualquer pessoa com qualquer informação sobre doping a se reportar oficialmente às autoridades envolvidas. Para isso, pedimos ao jornalista que identifique o local onde ocorreu esse incidente e as pessoas envolvidas”, acrescentou a Federação do Quênia.

Por conta do doping, mais de 45 corredores quenianos cumprem suspensão após uma investigação da Agência Mundial Antidoping (WADA), feita há poucos anos. Na lista, estão lson Kipsang e Asbel Kiprop. Em 2019, o chefe da equipe de atletismo nas Olimpíadas do Rio foi banido por 10 anos, acusado de vender informações aos atletas e avisos sobre exames antidoping.


5 eletrônicos para esportes que prometem facilitar a sua vida

1- Relógio Inteligente Mi Band 4 Xiaomi - https://amzn.to/326G0jZ

2- Câmera Hero 7 Black à Prova D’água 12MP 4K Wifi, GoPro - https://amzn.to/2VwxKY5

3- Fone de Ouvido Xiaomi Redmi Air Dots Com Bluetooth - https://amzn.to/325xcLo

4- Aparelho Abdominal Eletrico Músculo 6 Pack Ems Estimulador - https://amzn.to/2B2Vhq8

5- Cronômetro Digital Incoterm - https://amzn.to/2nyvmUc

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, o SportBuzz pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!