Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Lutas / MMA » UFC 251

José Aldo é nocauteado no quinto round e perde chance de ser campeão do peso-galo; confira as lutas do sábado

Brasileiro tem boa atuação, mas não resiste a volume dos golpes de Petr Yan

Gabriela Santos Publicado em 12/07/2020, às 08h50

UFC 251: José Aldo é nocauteado no quinto round e perde chance de ser campeão do peso-galo
UFC 251: José Aldo é nocauteado no quinto round e perde chance de ser campeão do peso-galo - GettyImages

Na noite do último sábado, 11, José Aldo foi superado pelo russo Petr Yan, e foi nocauteado aos 3m24s do quinto round, no UFC 251, em Abu Dhabi. O resultado positivo poderia colocar o brasileiro no seleto grupo de atletas campeões em duas categorias do UFC. Com a vitória, Yan faturou o cinturão vago do peso-galo.

Mesmo lutando com mais agressividade do que em suas últimas lutas e tendo mais chances de sair vencedor nos rounds anteriores, Aldo protagonizou uma grande luta, mas foi superado pelo jovem russo.

“Meu plano era fazer exatamente o que eu fiz. Cansá-lo nos dois primeiros rounds e depois partir para o nocaute. Ser campeão tão jovem me motiva muito, e agora quero ir para casa comemorar com a minha família”, disse Petr Yan.

Depois de quatro rounds equilibrados, José Aldo foi completamente dominado no último round. Nocauteado, ele perdeu a oportunidade de se tornar o oitavo lutador da história do UFC se tornar dono de cinturões em duas categorias diferentes.

Aos 27, o ainda invicto Yan assegurou o cinturão e garantiu seu recorde no UFC, com sete vitórias seguidas.

Confira a noite de sábado no UFC 251

Luta principal

O evento também teria outro brasileiro na disputa por cinturão, mas Gilbert Durinho testou positivo para o coronavírus e foi afastado. Portanto, ele foi substituído Jorge Masvidal, que foi derrotado pelo nigeriano Kamaru Usman, que venceu por decisão unânime (50-45, 50-45 e 49-46). Com o resultado, Usman permanece com o cinturão dos meio-médios.

Outra disputa por cinturão

No segundo evento principal da noite de sábado, o australiano Alexander Volkanovski bateu o americano Max Holloway, por decisão dividida (48-47, 47-48 e 48-47), e permanece com o cinturão do peso-pena.

Amanda Ribas vence

Duas mulheres abriram o card principal do UFC 251. Em ascensão, a brasileira Amanda Ribas superou a americana Paige VanZant ao finalizá-la com uma chave de braço aos 2min21s no primeiro round do duelo do peso-mosca. Com isso, Amanda alcança sua quarta vitória no Ultimate e segue invicta.

Jéssica “Bate-Estaca” Andrade é derrotada

A brasileira mostrou evolução e parecia que aplicaria um novo nocaute na americana Rose Namajunas, mas a rival aguentou a pressão e conseguiu virar para conseguir uma vitória por decisão dividida (29-28, 28-29, 29-28) no duelo de ex-campeãs do peso-palha.

Brasileiros vencem três das disputas do card preliminar

Três brasileiros dos cinco que subiram no octógono montado na Ilha da Luta, em Abu Dhabi, para o card preliminar, saíram vitoriosos das lutas. Karol Rosa, Raulian Paiva e Léo Santos derrotaram, respectivamente, Vanessa Melo (também brasileira), Zhalgas Zhumagulov e Roman Bogatov. Elizeu Capoeira foi derrotado pelo russo Muslim Salikhov, em decisão polêmica.


5 itens essenciais para quem pratica esportes de luta

1- Kit Training - https://amzn.to/2qKYtVH

2- Kimono Jiu Jitsu Unissex - https://amzn.to/2NjtZlo

3- Saco de Pancada Profissional - https://amzn.to/2oiEMDP

4- Kit Boxe Muay Thai - https://amzn.to/2MPVl3z

5- Aparador de soco - https://amzn.to/2pdn05j

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, o SportBuzz pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!