Sportbuzz
Busca
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify SportbuzzTiktok Sportbuzz
Lutas / MMA / EITA!

Conor McGregor recebe acusação por agredir mulher em Ibiza

O irlandês Conor McGregor, polêmico lutador de MMA, é acusado de agredir mulher em Ibiza, após a comemoração de seu aniversário em seu iate privativo

Redação Publicado em 24/01/2023, às 15h50

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
McGregor é acusado de agredir mulher em Ibiza - Getty Images
McGregor é acusado de agredir mulher em Ibiza - Getty Images

Nesta terça-feira, 24, Conor McGregor voltou a ser o centro das atenções, mas dessa vez por um motivo completamente negativo. O lutador está sob investigação de um suposto caso de agressão a uma mulher a bordo de seu iate, em Ibiza, na Espanha. Segundo o “Majorca Daily Bulletin”, a acusação diz respeito a um caso que aconteceu durante uma festa de aniversário do irlandês.

De acordo com o relatório, a vítima diz conhecer McGregor por ser vizinha do lutador em Dublin, na Irlanda. Pelo que foi escutado da mulher, o atleta começou a insultá-la, falando mal de sua aparência. Em seguida, a atacou com um chute e um soco, além de ameaçar que iria a afogar.

“Era como se ele estivesse possuído. Eu sabia que tinha que sair do barco, porque achei que ele ia me matar. Não acredito no que ele fez comigo. Ele é um criminoso. Acho que ele teria me matado se eu não tivesse saído do iate”, disse a vítima em seu depoimento.

Para fugir do lutador, a mulher disse que teve que pular do iate, próximo à ilha de Formentera. Um barco da Cruz Vermelha a resgatou e levou de volta para a costa, com segurança. O depoimento foi feito apenas para a polícia irlandesa, após sua volta da viagem. O ocorrido aconteceu no dia 16 de julho de 2022.

McGregor em sua última luta no UFC (Crédito: Getty Images)
McGregor em sua última luta no UFC (Crédito: Getty Images)

Infelizmente, McGregor já é conhecido por suas atitudes fora do octógono, além de toda polêmica que o envolve quando vai lutar. No final de 2018, o lutar estava sob uma investigação por agressão sexual e chegou a ser preso em 2022, na cidade de Dublin, por seis infrações de trânsito. Até o momento, o representante do irlandês afirmou que o cliente nega todas as acusações.


Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!