Sportbuzz
Busca
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify SportbuzzTiktok Sportbuzz
Futebol / PASSADO!

Palmeiras: Abel Ferreira faz desabafo sobre Libertadores

Abel Ferreira e o Palmeiras ainda não esqueceram a queda na Libertadores da América e o treinador abriu o jogo sobre o poder de reação do seu elenco, além de exaltar a torcida

Redação Publicado em 11/09/2022, às 11h35

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Abel Ferreira falou sobre a Libertadores e exaltou a força do Palmeiras no Allianz Parque - GettyImages
Abel Ferreira falou sobre a Libertadores e exaltou a força do Palmeiras no Allianz Parque - GettyImages

Abel Ferreira e o Palmeiras ainda não esqueceram da queda na Libertadores. No último sábado, 10, no Allianz Parque, a equipe recebeu o Juventude e teve dificuldades para sair com os três pontos. No entanto, o Verdão mostrou sua força para superar os adversários e também para deixar para trás a dolorasa eliminção para o Athletico-PR na última semana. 

Depois da vitória de 2 a 1 contra o Juventude, o técnico do Palmeiras exaltou os seus jogadores e também os torcedores. Abel Ferreira voltou a admitir que não foi fácil digerir a eliminação na Copa Libertadores da América. Mesmo assim, o técnico português ressaltou a vonta de seus jogadores durante os 90 minutos: "Depois de um golpe muito duro há três dias, uma vitória era importante".

Abel Ferreira tirou um momento da sua entrevista coletiva para fazer muitos elogios aos torcedores do Palmeiras. O treinador destacou o apoio que todos deram para o elenco depois da queda para o Athletico-PR na Libertadores. Ele viu toda a força da equipe como uma espécie de apoio. Além disso, segundo o mesmo, o Verdão poderia ter tido uma vitória mais tranquila no Brasileirão. 

"Ter nosso torcedor em nosso lado é o maior crédito. É aos nossos torcedores que temos que dar ouvidos, o resto é barulho. O barulho nós ouvimos, e respeitamos muito os nossos torcedores. Foi assim no final do jogo, porque reconheceram nosso esforço, porque a equipe deu o que podia. E assim como no último jogo, hoje entramos e nos primeiros 20 minutos, se tivesse 2 a 0 ou 3 a 0...", começou a explicar antes de finalizar a sua resposta. 

Palmeiras e Juventude pelo Brasileirão
Palmeiras e Juventude pelo Brasileirão (Crédito: GettyImages)

"Como poderia ter sido no último jogo em casa, porque criamos essas oportunidades. É continuar neste caminho, valorizar os jogadores, clube, torcedores. E que os torcedores consigam se identificar com a nossa equipe, isso para nós é o mais importante. A família palmeirense continua junta, apesar de todo o barulho que façam em volta", completou o treinador sobra a união do Palmeiras.


Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!