Sportbuzz
Testeira
Futebol / JOGOS OLÍMPICOS

Olympique decide não liberar Gerson para os Jogos Olímpicos

Mesmo após pedidos do jogador, clube francês comunica que não vai liberar meio-campista para a disputa de Tóquio

Redação Publicado em 01/07/2021, às 13h46 - Atualizado às 13h47

Olympique decide não liberar Gerson para os Jogos Olímpicos - Divulgação/ Olympique de Marselha
Olympique decide não liberar Gerson para os Jogos Olímpicos - Divulgação/ Olympique de Marselha

Apresentado pelo Olympique de Marselha nesta quinta-feira, 1, Gerson não será liberado para os Jogos Olímpicos. O meia ex-Flamengo foi comunicado da decisão e não poderá integrar a seleção de André Jardine em Tóquio 2020, mesmo pedindo ao clube francês. A informação foi divulgada pelo "GE". 

Em quarentena na França, o meia não se apresentou com a seleção olímpica, mas o clube reiterou que a decisão de não liberar é definitiva por conta do investimento. O Olympique destacou a importância da pré-temporada para sua maior contratação para 2021/22. 

 

Durante a negociação, Gerson deixou claro seu desejo de disputar os Jogos Olímpicos pelo Brasil. As duas partes chegaram a um acordo verbal, mas a liberação não foi colocada no contrato. Após a conclusão do negócio, o Olympique decidiu não permitir que o meia dispute a competição de Tóquio. Por não ser Data Fifa, o clube não é obrigado a ceder jogadores para as seleções.

Em publicação de anúncio, o Olympique de Marseille revelou o sucesso no exame médico e oficializou o acordo de um contrato de cinco anos com Gerson. Agora o meia faz parte do elenco de Sampaoli, treinador que já enfrentou em várias oportunidades, enquanto o argentino treinava o Santos e o Atlético-MG.

Após o anúncio, o jogador se pronunciou em sua conta oficial do Twitter. "Uma nova história. Vamos juntos, Olympique de Marseille", publicou.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!