Sportbuzz
Testeira
Futebol / EXPLICADO!

Após polêmica com Messi, treinador do PSG revela dificuldade no entrosamento com Mbappé e Neymar

Pochettino comentou sobre dificuldade em encaixar Messi, Neymar e Mbappé no PSG e pediu tempo

Redação Publicado em 21/09/2021, às 16h31 - Atualizado às 16h49

Neymar, Messi e Mbappé ainda não conseguiram se firmar juntos no PSG - GettyImages
Neymar, Messi e Mbappé ainda não conseguiram se firmar juntos no PSG - GettyImages

Uma das grandes questões do momento no futebol mundial é como encaixar o trio Neymar, Messi e Mbappé no PSG. Os três já fizeram duas partidas juntos, mas acabaram decepcionando e mostrando grande dificuldade no entrosamento. Um dos mais criticados e apontados como o principal culpado disso é Pochettino, que se manifestou sobre o tema. 

 

Em entrevista coletiva, antes do PSG enfrentar o Metz nesta quarta-feira, 22, o treinador do Paris Saint-German foi questionado em relação a dificuldade de encaixar um esquema de jogo para que os três possam atuar juntos. De acordo com Pochettino, que incluiu Di María em sua resposta, é preciso tempo e treinamento para que todos se entendam. 

Além disso, o comandante parisiense também citou que Neymar, Messi e Di María já se conhecesse há muito mais tempo e possuem um entrosamento prévio. Desta forma, o "maior problema" neste momento seria a inserção de Mbappé a esse trio. 

"Leo, Neymar e Di María se conhecem bem, já têm afinidades criadas. Estamos num momento em que temos de integrar o talento de Mbappé com, por exemplo, a relação Messi-Di María ou Messi-Neymar, e isso demanda tempo. Mas estamos contentes pelo modo como estamos avançando e as melhorias já foram demonstradas no jogo com o Lyon", afirmou. 

Pochettino ainda seguiu analisando o seu time e dando maiores explicações do motivo de não estar conseguindo dar um grande entrosamento para o trio MNM. Segundo o treinador do PSG, ele já montou a equipe num 4-3-3 e também 4-2-3-1 e constatou que houve uma evolução de um confronto para o outro. 

"Gosto dessa pergunta porque permite falar de futebol. Temos mesmo de criar esse automatismo com o tempo, com os treinos. Não nos juntamos só para jogar, mas também para treinar. Antes do jogo com o Lyon modificamos o esquema de 433 para 4231 e há questões sobre posicionamento, cumplicidade e organização de jogo que precisam ser trabalhadas", finalizou.

Invicto no Campeonato Francês, o Paris Saint-Germain volta a campo nesta quarta-feira, 22, quando visita o Metz. A bola vai rolar às 16h (horário de Brasília) e terá Neymar e Mbappé no time titular, enquanto Messi não deve participar do jogo devido a uma lesão que sofreu no joelho.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!