Sportbuzz
Busca
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify SportbuzzTiktok Sportbuzz
Futebol / POLÊMICA!

Governo de Hong Kong detona Inter Miami por jogo sem Messi e Suárez

Principais jogadores do time dos Estados Unidos eram cotados para atuar em amistoso do último domingo, 4, mas ficaram no banco de reservas

Redação Publicado em 05/02/2024, às 12h37 - Atualizado às 15h19

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Lionel Messi no Inter Miami - Getty Images
Lionel Messi no Inter Miami - Getty Images

Após a permanência de Lionel Messi e Luis Suárez no banco de reservas do amistoso na China, o Inter Miami virou alvo de duras críticas do governo de Hong Kong. A ausência da estrelada dupla do time dos Estados Unidos contra a seleção local, diante de cerca de 40 mil pessoas no último domingo, 4, gerou uma revolta no estado chinês.

O governo ameaçou retirar do organizador do evento o investimento de 1,9 milhões de euros de financiamento público.

Após a polêmica, o governo de Hong Kong publicou notas oficiais cobrando o Inter Miami, afirmando que estavam “extremamente decepcionados”, disparando algumas críticas contra o organizador do jogo, a Tatler Asia, um meio de comunicação especializado em moda e estilo de vida de luxo.

“Uma das principais condições do nosso acordo de financiamento com a Tatler Asia foi que Messi participasse da partida por pelo menos 45 minutos, sujeito a considerações de condição física e segurança”, afirmou Kevin Yeung, secretário de cultura, esportes e turismo de Hong Kong, durante uma coletiva de imprensa nesta segunda-feira, 5.

Segundo o político, antes do começo do jogo, o organizador reafirmou para o governo local que o argentino campeão do mundo estaria atuando no segundo tempo, o que não se concretizou.

Yeung, que estava presente no Hong Kong Stadium com outras autoridades locais, incluindo o chefe do executivo de Hong Kong, John Lee, disse que o governo tentou negociar com o organizador quando Messi não entrou em campo. No entanto, chegaram a um impasse dez minutos antes do final do jogo.

Os craques do Inter Miami acabaram não saindo do banco de reservas e frustraram milhares de fãs que estavam nas arquibancadas lotadas. O ministro ainda acrescentou que o governo irá tomar a decisão de retirar o incentivo financeiro projetado após o acontecido.


Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!